Sobrinho de deputado participa de espancamento de jovens na Expoema

Teve participação de Jean Vitor Maia Maranhão, 21, sobrinho do deputado federal Waldir Maranhão (PP), a sessão de espancamento por que passou Carlos Tadeu Oliveira, na madrugada deste domingo (4), na Expoema.

O caso foi destaque na manhã desta segunda-feira nas rádios São Luís e Capital AM.

Carlos Tadeu, que é filho do secretário de Orçamento de Paço do Lumiar, Eduardo Castelo Branco Oliveira, foi massacrado por cinco pessoas – incluindo o sobrinho do parlamentar e o filho de um policial civil – depois de uma batida de carro dentro do estacionamento do parque de Exposições.

Ele estava com a irmã, Letícia, que saiu do carro para avaliar o dano. Nesse momento, os cinco agressores desceram do veículo em que se encontravam e agrediram a moça. Carlos Tadeu foi tomar satisfações, quando começou a sessão de espancamento.

As agressões foram tão graves que o rapaz teve afundamento de crânio. Ele está internado no hospital São Domingos e o quadro é grave.

Dos cinco agressores, quatro foram identificados pela polícia: José Carlos Azevedo Pinheiro Júnior, Leandro da Silva Porto, Caio César Sousa de Carvalho e Jean Vitor Maia foram presos e conduzidos para Plantão da Cidade Operária, e autuados em flagrante por crime de lesão corporal.

Atropelamento

Também na madrugada de domingo, o estudante Bruno Augusto da Silva, 22, atropelou cinco pessoas, na saída do Parque Independência.

Segundo testemunhas, o motorista tentou passar sobre um canteiro central em alta velocidade para escapar do engarrafamento, atingindo em cheio os jovens Felipe Sampaio Matos, João Pedro Castro Macedo, Mayara Caroline, Denner Roberto Galvão de Araújo e Caio Guilherme da Silva Bastos, que morreu no local do acidente.

17 ideias sobre “Sobrinho de deputado participa de espancamento de jovens na Expoema

  1. devia levar era prisão perpétua … Tanto os cinco agressores como o atropelador… Só vagabundo e irresponsável! Provavelmente tinha bebida alcoolica envolvida!

    • Já chegaram mais 40 bafômetros a são luís, mas acredito que ainda não começaram a ser utilizados

  2. Esse tal de Bruno,é um assassino merece passar o resto da vida na cadeia,por matado o meu amigo CAIO.Alias cadeia é pouco,ele pode pagar a fiança que for,+ a justiça maior vem de DEUS,que tarda + não falha.

  3. Todo mundo que conhece a Letícia e o Tadeu sabem o quanto são gente de bem! Jovens tranquilos e calmos. Agora aparece uns FDP desses para quase acabar com a vida de quem não merece. Isso é um grande absurdo!!! E esse pai policial civil ainda quer dar razão para um filho que espanca outro jovem! Deveria era dar bons modos e fazer ele ir é para a cadeia, aprender o que não aprendeu em casa!!

  4. Faço das palavras da Vanessa as minhas, cadeia é pouco para esses 5 delinquentes, eles podem pagar a fiança que for, mas a justiça maior vem de DEUS, que tarda mas não falha.

    Quer brigar? Procura alguém que pelo menos tenha alguma chance!! O rapaz no chão eles chutando a cabeça!! Não deveria existir advogado de defesa para casos assim. E o porteiro da EXPOEMA assistiu tudo e NADA FEZ!!! Cadê essa segurança desse evento? Dá vontade de não deixas mais nossos filhos saírem de casa.

  5. Até quando vamos conviver com esta brutalidade? É necessário uma tomada de decisão por parte das autoridades constituídas para que fatos lamentáveis como desta natureza não ocorra com tamanha naturalidade. Basta de violência!

    • Como bem frisou Jânio Arlei em comentário anterior, o de boné não mostra a mínima preocupação com a prisão

  6. ATE QUANDO ESSE TIPO DE VIOLENCIA IRA ACONTECER?……… QUEM IRA TRAZER ESSE JOVEM CAIO DE VOLTA……… O PIOR É Q JUSTIÇA DO BRASIL NAO FUNCIONA…………AI Q RAIVA……………………..
    FORÇA JOAO…………

  7. ô galera foi mal ó mais graças a Deus já estão todos em casa. não saber das coisas direito e sairem por aí falando besteira é muito fácil pq se fosse um filho de pobre que tivesse apanhado naum teria isso tudo mais como é filho de papaiziho ai sim esse drama e si foi uma briga pena que eles levaram a pior de apanhar mais a justiça tarda mais não falha falar sem saber é fácil…. foi mal galera para quem queria que eles se ferrasem e pensaram que eram atoas… dinheiro naum compra tudo nesse mundo