PIADA DO DIA! Dino diz que faz maior investimento em Saúde da história

captura-de-tela-2016-11-28-as-11-44-45 captura-de-tela-2016-11-28-as-11-45-17

O governador Flávio Dino (PCdoB) assinou um artigo, divulgado no fim de semana, em que conta uma anedota sobre a Saúde do estado.

Diz ele que o seu governo está “fazendo o maior investimento em Saúde da história do Maranhão”.

Segundo o comunista, o objetivo é “erguer uma verdadeira rede estadual de atendimento”.

Dino deve estar com problemas de memória.

O governo dele recebeu uma estrutura com mais de 40 hospitais construídos e 10 UPAs espalhadas por toda a Ilha de São Luís e algumas pelo interior.

Tudo funcionando em grau de excelência.

UPA do Araçagi: excelência em atendimento na gestão passada

UPA do Araçagi: excelência em atendimento na gestão passada

Sob o signo comunista, a Saúde maranhense decaiu.

Além de alegar dificuldades para concluir obras que recebeu praticamente prontas, como em Santa Inês (reveja), os atrasos salariais são constates, o que tem forçado profissionais da área a paralisar as atividades como forma de forçar a SES a pagá-los (veja aqui, aqui e aqui).

Os servidores contratados diretamente pela Emserh, trabalham em regime precário, sem carteira assinada, sem direito a férias e a 13º salário, no que a deputada Andrea Murad (PMDB) classificou como  “escravidão” (leia mais).

É mais ou menos assim que anda a Saúde do Maranhão na vida real. Mas se você quiser saber como ela está no fantástico mundo de Flávio Dino, basta clicar aqui.

Compare e comente…

12 ideias sobre “PIADA DO DIA! Dino diz que faz maior investimento em Saúde da história

  1. É uma piada, mesmo. Acho que ele precisa visitar as unidades e conversar com os profissionais que estão na assistência. Ou está sendo “enganado” por seus acessores, ou está pensando que o povo é besta.

  2. O governador Flavio Dino em função de muitas de suas atitudes as vezes merece não ser levado a sério. Só a título de informação: tem um anexo do socorrão de Presidente Dutra em Tuntum, a proprietária do imovel está mais de ano sem receber aluguel. E o pior é que ela se viu obrigada a renovar o aluguel sem nenhuma esperança de receber os alugueis. O aluguel do Prédio onde funciona um anexo do Nina Rodrigues para dependentes quimicos na cohab de propriedade da Igreja catolica da Cohab, esta exatos 18 meses sem receber aluguel. Um governador que nao paga ninguem, uma vergonha. Ja entra na historia como o maior mal pagador do maranhao.

  3. Pingback: PIADA DO DIA! Dino diz que faz maior investimento em Saúde da história – Notícias dos Blogs

  4. Que excelência ? Fala sério!! Para a Polícia Federal , a organização criminosa , comandada pelo corrupto Ricardo Murad, em termos de sofisticação da pratica criminosa, estava acima da excelência , estava na dimensão mafiosa .

  5. Ele devia era mandar uma ambulancia para a Cidade de Viana, pois a mesma encontra se dois meses na oficina, e o Hospital Regional Jose Murad, de responsabilidade do Estado esta em falencia.

      • Caro amigo Gilberto,
        E uma vergonha para nos vianenses ter um hospital regional e nao ter uma ambulancia, a direcao do hospital fica pedindo ambulancia para os municipio de Viana e vizinhos, agora e uma piada esse governador falar em investimento na saude, se Viana como cidade polo, com o hospital regional se quer tem uma ambulancia, que vergonha governador…..

  6. Esse governo é só mentiras. Infelizmente muitos acreditaram nas promessas desse comunista capitalista. E os babões dessa comunista insistem em culpar Ricardo Murad, estamos vivendo é em 2016 e a irresponsabilidade é do comunista e sua tropa.

  7. A Estatização da gestão dos hospitais pela EMSERH, em substituição aos institutos que até então faziam este trabalho, vai jogar todo o sistema de saúde em colapso, a EMSERH não consegue ter velocidade na contratação de centenas de itens, remédios, MATMED, médicos, equipamentos, etc, tendo que seguir a lei 8.666 (lei de licitações).
    Para piorar, os gestores da SES (Carlos Lula) e da EMSERH (Ianik Leal), são pessoas muito jovens, sem nenhuma experiência em gestão pública de saúde, são desorganizados, não tem voz de comando, se cercaram de gente muito jovem e desprepara.
    Espero que não aconteça, mas o sistema vai paralisar em breve.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *