Eduardo Braide vai à Justiça contra reeleição de Edivaldo Jr.

O deputado estadual Eduardo Braide (PMN) marcou para hoje (19) – daqui a pouco – uma coletiva em que apresentará detalhes de um processo protocolado na Justiça contra a reeleição do prefeito de São Luís, Edivaldo Holnada Júnior (PDT).

O parlamentar perdeu a disputa no segundo turno.

Na ação judicial, Braide acusa o pedetista de abuso de poder econômico e político e pede a cassação do seu mandato.

Ele alega que o uso da máquna pública influenciou no resultado da eleição.


20 ideias sobre “Eduardo Braide vai à Justiça contra reeleição de Edivaldo Jr.

    • Depois da cassação do governador Jackson Lago e da evolução e sedimentação da jurisprudência na matéria, acho tudo possível. Além disso, a tese e as provas trazidas pelo advogado José Antônio Almeida parecem ser robustas. A eleição foi desequilibrada pela compra de votos proporcionadas principalmente pelo intrépido Weverton Rocha que usou, ademais disso, deslavadamente o seu Sistema de Comunicação Difusora para desestabilizar o então candidato Eduardo Braide. Com a palavra eminentes magistrados do TRE-MA.

  1. Eiiita pior do que perder. É não aceitar. Braide pode muito bem manter o resto de dignidade que lhe resta e terminar esse mandato dele. MÁFIA DE ANAJATUBA!

  2. Alguem avisa pra esse coitado que a Eleicao acabou. Que ele perdeu. Que ele tem que continuar a vida. Tem que se conformar. É assim mesmo. Um dia se ganha, outro se perde.

    • Ele ta certo esse safado mentiu o tempo todo.enganou o povo ele é um vagabundo mentiroso e o povo ainda acredita

  3. Aécio Neves fez escola mesmo! Me poupe, Braide e vá trabalhar, veja como Aécio está hoje em dia, um refugo político.

  4. Se estivéssemos em um país sério Edivaldo não assumiria esse novo mandato. O derrame de dinheiro foi bem evidente, Flavio Dino abriu os cofres do estado e colocou todos os secretários e assessores para além de trabalharem na campanha, colocaram todo o aparato do Estado nas mãos de Edivaldo. Isso é uma vergonha. Depois esse Edivaldo ainda tem a coragem de ir em culto de igreja Evangélica agradecer a Deus. Esse cara não lê a bíblia, pois se lesse sabia que um dia ele estará no tribunal de Deus diante de todos.

  5. Ele tem todo o direito de questionar na justiça o resultado de uma eleição acintosamente financiada pelo governo do estado.. Flavio Dino quando perdeu para João Castelo fez o mesmo.

  6. Tds sabemos q edivaldo usou a máquina,p rica disso é o desaparecimento do serviço de asfalto em São Luís.

  7. Tomara que role mesmo esse “golpe”, prefeitinho quase não ganha, e ainda comprou meia são luis com esse asfalto que está se dissolvendo agora nessas primeiras chuvas!

  8. Fizeram o topa tudo para ganharem a eleição, agora têm que arcar com ônus, confiaram na impunidade. Porque não há dúvidas dos abusos cometidos. Dentre uso eleitoreiro do asfalto, uso de propaganda institucional para promoção pessoal, compras de votos… Vamos aguardar a justiça.

  9. Tem meia dúzia de […] na porta do apartamento desse Braide todo dia, o cara tá em desespero e devendo até a alma, fonte segura dessa dívida, tem um que tá praticamente morando lá.

    • Se na dele tem meia dúzia, imagina na de Edivaldo, deve ter uma penca toda, o que foi derramado de dinheiro no segundo turno, faz até o olho do Serveró levantar kkkkkkkkkkkkk

  10. Parabéns pela decisão deputado , só cego e apaixonado para não ver que essa eleição foi vencida por EDH com uso das maquinas ( Estado e Município ), além da compra de blogueiros e jornalistas para desconstruir a imagem de Braide.

  11. Fico até atônico com tanta gente ignorante que se contentam com qualquer carniça que é jogada ao chão pra eles. São Luís precisa de asfalto e não de borra de café, iluminação nos bairros e não somente nas avenidas onde todos podem ver, hospitais e escolas novas e não somente reformas em prédios já existentes com placa de Nova construção, água nos.bairros, segurança… Houve crime sim… um prefeito q tem coragem de enviar 08 máquinas para um bairro 02 dias antes das eleições para realizar terra planagem e depois da eleição desaparecer levando com ele as máquinas não é digno de ser chamado prefeito e muito pior evangélico.

  12. A cidade de São Luís testemunhou a zona que foi a eleição de 2016.
    Máquinas asfaltando dia e noite, uso abusivo e descarado de uma emissora de TV e rádio, intervenção do governo do estado, inúmeras infrações às leis eleitorais e por aí vai.
    Tudo feito nas barbas do TRE, este que foi inerte e omisso.
    Que a justiça seja feita!

Os comentários estão fechados.