Sinfra derruba ponte, não constrói outra e isola Centro do Guilherme

A Secretaria de Estado da Infraestrutura (Sinfra) praticamente isolou moradores da cidade de Centro do Guilherme, no Oeste Maranhense, ao derrubar uma ponte de madeira para a construção de uma de concreto que nunca ficou pronta.

A obra faz parte dos serviços de recuperação e melhoramento da rodovia MA-307, no trecho entre Centro do Guilherme, Maranhãozinho e Presidente Médici – a ponte liga o primeiro ao segundo município, passando sobre o Rio Maracaçumé.

Segundo notícia espalhada pelo próprio governo, em julho de 2015 70% da obra já estavam concluídos.

“A previsão é que a obra esteja concluída em dezembro [de 2015]”, diz a informação oficial (veja aqui).

Mais de um ano depois, em setembro de 2016, nova matéria do Palácio dos Leões sobre o assunto. E novamente o anúncio da quase conclusão da obra.

“Para finalizar a obra está faltando a conclusão de 70 metros, a ponte sobre o rio Maracaçumé que está em andamento e a sinalização da rodovia”, dizia o texto (leia aqui).

A situação em fevereiro de 2017, no entanto, é essa do vídeo abaixo, com moradores tendo que atravessar em canoas…

3 ideias sobre “Sinfra derruba ponte, não constrói outra e isola Centro do Guilherme

  1. Pingback: Sinfra derruba ponte, não constrói outra e isola Centro do Guilherme – Notícias dos Blogs

  2. Infelizmente o município está isolado, mas, o erro maior é do projeto, que em uma cidade que tem acesso quase que exclusivamente por essa ponte de (70,00 m) sobre o rio Maracaçumé, previu a demolição da ponte de madeira para a construção da de concreto, exatamente no mesmo lugar.
    Lembrando que esse contrato é do ano de 2014. Consequentemente, o projeto e anterior a isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *