Delegado Lawrence relata ação da polícia em Paraibano

Delegado relata trabalho da polícia em Paraibano

O delegado-geral da Polícia Civil do Maranhão, Lawrence Melo, encaminhou texto ao blog em que cita ação importante realizada recentemente na cidade de Paraibano. Na ocasião, a polícia elucidou a morte do professor Ivanildo Ferreira Costa, brutalmente assassinado no município. Dois menores são acusados do crime.

A insegurança citada pela população na cidade motivou a promoção de um ato público, conforme publicado aqui no blog (leia aqui)

 

LEIA A NOTA

No dia 12 de maio de 2017, na cidade de Paraibano/MA, após intensas investigações ao longo de uma semana, a Polícia Civil desta 12 Regional, com o apoio da SEIC, elucidou o crime que resultou na morte do professor IVANILDO FERREIRA COSTA, conhecido como professor MANIM.

Foram conduzidos o menor W.A.N., de 17 anos e J.F.S.S., de 16 anos de idade, que confessaram a autoria do latrocínio, ocorrido na noite do dia 04 de maio de 2017.
Os menores infratores confessaram que levaram o professor para as proximidades do lixão de Paraibano, onde lhe amarraram com fita adesiva e depois lhe assassinaram com uma facada na região do pescoço.
Os menores confessaram que no dia seguinte após cometerem o crime, atearam fogo no veículo do professor na tentativa de destruir provas.
O aparelho celular da vítima ficou na posse de um dos adolescentes, que enterrou o objeto no quintal de casa, vindo a ser recuperado por policiais civis da SEIC, na noite desta sexta-feira.
O celular de um dos menores que foi utilizado para marcar o encontro com o professor também foi apreendido.
Segundo eles, a motivação teria sido para roubar o carro do professor e posteriormente utilizá-lo para realizar o sequestro de uma criança em Paraibano, quando exigiriam a quantia de R$50.000,00 pelo resgate.
Equipes da Polícia Civil de Paraibano, sob o comando do Delegado Joao Marcelino, juntamente com equipes da Polícia Civil da SEIC, PC de Colinas, do Delegado Titular de Passagem Franca, Dr. Fábio Amaral e de equipes da 12a Delegacia Regional de Polícia Civil de São João dos Patos, sob o comando do Delegado Regional Taveira, obtiveram êxito na elucidação deste crime que causou comoção em toda a região do médio sertão maranhense.

Lawrence Melo Pereira
Delegado Geral da PCMA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *