Governistas aprovam retirada de entidades do Conselho da Polícia Civil

A maioria aliada ao governador Flávio Dino (PCdoB) aprovou hoje (22), na Assembleia Legislativa, o substitutivo ao Projeto de Lei 365/2017, de autoria do Exrcutivo, que retira todos os representantes de entidades ligadas aos policiais civis do Conselho de Polícia Civil do Maranhão.

A oposição votou contra, sob aplausos de policiais que lotaram a galeria da Casa.

Segundo a nova redação do Estatuto da Polícia Civil, o Conselho da Polícia Civil será composto por 10 membros, todos nomeados exclusivamente pelo governador.

 


7 ideias sobre “Governistas aprovam retirada de entidades do Conselho da Polícia Civil

  1. É a aplicação fiel do centralismo democrático stalinista. “No centralismo stalinista (de partidos como o PCdoB), não existe democracia interna. É proibido apresentar diferenças com a política da direção, e os que tentam fazê-lo são expulsos. Isso significa que a base não decide nada. A centralização se dá ao redor da política da direção e não do se que vota livremente nos congressos do partido. Aliás, não existe nenhuma discussão livre nos congressos, já que são proibidas as tendências e frações.” Sendo assim, os conselhos são meras formalidades, não cabendo as discussão das bases, servindo apenas para ratificar as decisões já tomadas pelo grande líder.

  2. O Iterma, Instituto de Colonização e Terras do Maranhão, que foi vendido pelo governo do estado ao deputado Kléber Verde, pois toda diretoria foi de indicação do deputado citado, não vem cumprindo seu fundamental papel que é discriminação e regularização das terras pertencentes ao Estado, e sim fazendo política quando sua direção, presidente e demais diretores se deslocam para os interiores do Estado com diárias, veículos, adiantamento para combustível e motoristas para fazer política para seu patrão deputado. Os funcionários do Iterma dizem que o órgão está parado para as suas atividades fins. Isto é um absurdo, precisamos fazer alguma coisa para impedir esse tipo de absurdo.

  3. Legislativo sem nenhuma indepencia.
    Judiciário politizado.
    E agora essa de acabar nos conselhos de classes com representantes da classe.
    É o fim da democracia no Maranhão.
    E a Polícia Civil do Maranhão mais uma vez vítima desse Governo, o que tem sido constante desde 2015.Esperemos aonde isso vai parar.

  4. abaixo de Deus só o povo pode mudar essa situação diga não a corrupção diga não esses deputados que ai estão votaram contra os policiais civis militares contra os professores contra os aposentados contra os funcionários públicos a favor do aumento de imposto ICMS que estão de quatro para este desgovernador você eleitor vote sem se vender vote consciente se tiver que errar erre sem saber porque votar nesses que ai estão é errar sabendo já erraram uma vez errar outra vez me desculpem mas é burrice vote diferente tente acertar esses políticos que ai estão só olham para seus umbigos passam três anos sumidos no ano da eleição aparecem para te enganar novamente diga não. louvado seja Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *