“Entraremos firmes na campanha”, diz Zé Reinaldo ao entrar no PSDB

O deputado federal Zé Reinaldo anunciou hoje (31) sua filiação ao PSDB, partido pelo qual disputará uma vaga ao Senado.

Segundo o parlamentar, após conversas com Geraldo Alckmin, ficou acertado que, no Maranhão, ele apoiará as duas candidaturas do presidenciável tucano ao Governo do Maranhão: a de Roberto Rocha (PSDB) e a de Eduardo Braide (PMN).

Leia abaixo a nota.

COMUNICADO À IMPRENSA

Com o respeito e a cordialidade que sempre mantive com a imprensa maranhense e por entender que o compromisso fundamental dos comunicadores profissionais é com a responsabilidade na divulgação da verdade dos fatos, acima de especulações, faço os esclarecimentos que seguem.

Tenho uma antiga e sólida ligação com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Fomos colegas na Câmara dos Deputados, fomos vice-governadores e, em seguida, governadores de nossos estados, na mesma época. Possuo muito respeito pelo homem e pelo político Alckmin. Conservo também uma amizade muito antiga e forte com o coordenador da campanha do governador Alckmin à Presidência, senador Tasso Jereissati, pois vivemos juntos grandes episódios da história política brasileira e isso permitiu que, por diversas vezes, conversássemos sobre o Maranhão.

Na última terça-feira (20), encontrei com o governador Alckmin, na posse da deputada Tereza Cristina, minha amiga do PSB, agora no DEM, na Frente Parlamentar em Defesa da Agricultura. Ele me viu e veio falar comigo sobre o Maranhão e eu disse que estou sempre pronto a ajudá-lo. Na terça feira à noite, recebi uma ligação do governador me convidando para ir a São Paulo conversarmos, convite que eu prontamente atendi na quarta-feira passada (21).

Tivemos um longo e produtivo diálogo. O governador pediu apenas que eu aguardasse uma conversa sua com o senador Roberto Rocha, presidente do partido no Maranhão. Queria ouvi-lo sobre o que discutimos. Ontem (30), sexta-feira, logo cedo pela manhã, ele me ligou para dizer que tinha conversado com Roberto Rocha que, por sua vez, teceu elogios à minha pessoa, o qual agradeço agora, publicamente. Roberto afirmou que não havia impedimento da parte dele para que esse entendimento pudesse se concretizar. Com essa compreensão, esclareço o que ficou decidido: o governador Alckmin terá, como em São Paulo, dois palanques no Maranhão. Um, do seu partido, o PSDB, que terá como candidato a governador Roberto Rocha, como já está decidido, e outro palanque com Eduardo Braide, candidato ao governo do Maranhão, também com o apoio de Alckmin.

Eu, portanto, me filiarei ao PSDB, serei candidato ao Senado e apoiarei Alckmin nos dois palanques. Além do apoio que recebi do governador paulista, discutimos muito a sua campanha no Estado e fiz um acordo com ele. Se eleito presidente do Brasil, Geraldo Alckmin apoiará os projetos estruturantes do Maranhão, bem como viabilizará o programa proposto pelo Nobel de Economia, James Heckman, a ser transformado em projeto social por mim e outros, com objetivo de diminuir a desigualdade e a pobreza, preparando melhor as novas gerações de maranhenses. Consegui ainda o compromisso de Alckmin com a nossa refinaria e com o polo petroquímico, que trará milhares de empregos e empresas para o Maranhão. Firmamos compromisso também com o Centro Espacial Brasileiro de Alcântara, com o Programa Espacial Brasileiro, com o apoio à vinda de um parque industrial da indústria espacial e com o Fundo de Desenvolvimento das Comunidades Quilombolas de Alcântara, que estou propondo.

O governador prometeu uma Cooperativa de Microcrédito para homens e mulheres pobres poderem ter acesso a dinheiro barato e, assim, abrirem seus pequenos negócios, além de apoio técnico de São Paulo para qualificar professores, capacitar trabalhadores maranhenses para o trabalho, apoio firme para o nosso Sistema de Saúde e da nossa Segurança.

Desta forma, meus amigos, entraremos firmes na campanha, não apenas a eleitoral, mas na mais importante de todas, a de combater as causas ainda intocadas da pobreza em nosso Estado – a minha maior aspiração como homem público. Vamos juntos colocar o Maranhão em novo patamar de desenvolvimento.

Com minhas cordiais saudações,
José Reinaldo Tavares
Deputado Federal


8 ideias sobre ““Entraremos firmes na campanha”, diz Zé Reinaldo ao entrar no PSDB

  1. José Reinaldo e Eduardo Braide terão o meu voto e de toda minha família. Do outro lado repudio a candidatura apoiada pelo comunista Flávio Dino de Weverto Rocha, Waldir Maranhão ou Eliziane Gama, são pessoas inescrupulosas que são capazes de qualquer coisa para se manterem no poder.

    • Falcão meu caro você vive onde mesmo? Você acha que o ze Ruela ainda tem esses votos todos, depois que ele traiu todos os trabalhadores muito caro quem viver verá!

  2. Mais perdido do que cego no tiroteio. Enquanto isso Dino do observa de camarote contando os dias. Kkk a oligarquia com seu consórcio desesperada.

  3. Essa decisao de Zé Reinaldo põe fim as esperanças de Flavio Dino referente a sua reeleição.Quem entende de politica sabe disso.Matematicamente a eleição ja esta no segundo turno, caso Roseana não ganhe logo no primeiro turno.basta também ouvir as ruas.

  4. Geraldo Alckmin é o melhor candidato a fazer o Brasil um país avançado e moderno, foi governador de SP por 4 vezes, fez a violência cair 80% lá, é um estado que cresce , organizado, exemplo para o país.

  5. Zé Reinaldo, vá fundo e faça política do jeito que você sabe, porque se não fosse sua maneira de fazer política não teríamos quebrado a hegemonia do grupo Sarney, graças a sua coragem e determinação estamos livres desses vermes sangue sugas dos cofres públicos, esse Flávio Dino deveria lhe agradecer por hoje ser governador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *