Emserh não pagará 13º a servidores requisitados da BioSaúde

Má notícia para grande parte dos servidores da Saúde estadual.

Enquanto a maioria do funcionalismo público receberá a primeira metade do 13º salário agora em junho – segundo anunciou nesta semana o governador Flávio Dino (PCdoB) -, os trabalhadores oriundos da BioSaúde, nada.

Explica-se.

A BioSaúde teve o contrato com a Secretaria de Estado da Saúde rescindido no início deste ano, após um calote milionário (reveja).

Depois disso, os terceirizados dessa organização foram absorvidos pela Emserh, que agora emitiu um comunicado informando que só pagará o 13º deles ao final da prestação do serviço ou quando encerrada a requisição administrativa, “desde que devidamente comprovada a execução dos serviços”.

Ou seja: tem gente que pode ainda não receber, se não comprovar que trabalhou.


4 ideias sobre “Emserh não pagará 13º a servidores requisitados da BioSaúde

  1. trabalhadores da gerir ate agora nada de rescisão, e a empresa que assumiu o Carlos macieira nada de assinar carteira so teve demissões, e ate agora não fizeram pagamento e colocaram passagem

  2. Pingback: Sem dinheiro para pagar profissionais da Saúde, governo Flávio Dino gastará R$ 820 mil com WhatsApp - Gilberto Léda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *