Marido de Anelise Reginato fez campanha para Edivaldo junto com Flávio Dino

Desde a declaração de inelegibilidade do governador Flávio Dino (PCdoB) pela juíza Anelise Reginato, da 8ª zona eleitoral de Coroatá, o Palácio dos Leões tem tentado fazer parecer que a decisão teve cunho político.

Numa representação ao CNJ, por exemplo, o PCdoB sustenta que a magistrada tem relações com o grupo Sarney e até com o Sistema Mirante (saiba mais).

A verdade, no entanto, é outra – e só reforça a tese de que o despacho de Reginato foi imparcial.

No mesmo Facebook acessado pelos comunistas para extrair imagens que constrangessem a juíza, foi publicada uma foto da campanha eleitoral de 2012.

Nela, o marido da juíza, Márcio Fontenelle, aparece em uma carreata do então candidato a prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

Ao fundo, em cima de uma caminhonete, o próprio Edivaldo, além do hoje governador Flávio Dino e o do senador Roberto Rocha – então candidato a vice-prefeito da capital.

“Márcio com o prefeito que vai mudar nossa história! Edivaldo Holanda Júnior!!!”, diz a legenda.

Mas essa foto, é claro,os comunistas devem ter esquecido de divulgar…


34 ideias sobre “Marido de Anelise Reginato fez campanha para Edivaldo junto com Flávio Dino

  1. É vergonhoso sua parcialidade junto a oligarquia Sarney. Até parece que vc não enxerga o atraso do nosso Estado causado por essa corja que manda no Estado há mais de 50 anos.

  2. E agora? Quem terá a humildade de pedir desculpas publicamente à nobre juíza. Anelise acusada de dar uma sentença judicial de cunho político. Ela foi atacada principalmente pelos pitibuls da imprensa que na ânsia de agradar o governo fizeram uma estardalhaço moral.

  3. Mas o que uma coisa tem haver com a outra? Ele é amigo pessoal de Edivaldo e sua turma, salvo engano ele é assessor pessoal do prefeito, mas ela não. Não é porque ele apoia ou APOIAVA Edivaldo que ela tem tem apoiar, né?

  4. Porque você não fala do julgamento do Ricardo murad que será na próxima terça-feira que é de grande importância para o povo Maranhense saber aonde ele colocou o dinheiro da saúde um bilhão e duzentos milhões de reais só ai você percebe que há um interesse político nessa sua matéria seja mais imparcial

  5. Os oligarquios não estão preocupados com o destino do Maranhão. Querem tirar Flávio Dino a qualquer custo. Dino sempre foi uma figura ilibada, mas como é governador, na visão dos seguidores do clã, agora é bandido. Se a juíza é séria porque é juíza, então porque o Flávio Dino e mentiroso se também é juiz?. O chororô é livre, já citei antes. Os cupinchas do Sarney e ele próprio, vão ter que engulir o Flávio Dino e o progresso do Maranhão. Oligarquia já era! Tchau Roseana, querida! Você vai ser cuspida no primeiro turno!

  6. Essa foto mostra que o marido da juíza apoiou Edvaldo, não quer dizer que ele apoiou Flávio Dino. Jorge Aragão blogueiro dos Sarney, apoiou e apóia Edvaldo Holanda e não apoia Flávio Dino. Faça o favor.

  7. Olha só! Ele, o Márcio Fontinelle marido da juíza de Coroatá, na comitiva de campanha com o número 36 do então candidato Edivaldo Júnior, vendo-se também junto do comboio Flávio Dino, Edivaldo Júnior e Roberto Rocha! Essa foto diz tudo, não restam dúvidas que o marido da juíza Anelise Reginato também é comunista e da corriola vermelha.

    Desmascara-se assim a estória que o pobre Sarney teria influenciado a proba juíza eleitoral de Coroatá na sua convicção pra ter tornando Flávio Dino inelegível!? Não tem o mínimo cabimento isso. Nem se diga também dos indícios que os comunistas violaram até a página do Facebook da digníssima juíza pra tentarem fazer ilações da sua pessoa com o grupo Sarney. Mas isso é assunto para a PF. Sabe-se pela imprensa que o senador Roberto Rocha inclusive já pediu providências para a Raquel Dodge, procuradora-geral da República, no sentido de fazer o acompanhamento de todos os tramites dos processos que culminaram com a inelegibilidade de Flávio Dino. Assunto pra gente grande.

  8. Deus escreve certo por linhas tortas. Esse comunista que se dizia “amigo” do servidor depois que ganhou as eleições foi pra porta do TJ, tomar sorvete (acho que em alusão às empresas de faixada que sirrupiaram milhões da saúde) e pedir aos desembargadores a retirada de 21.7% dos servidores públicos, os mesmos que deram seus votos p FD ganhar as eleições. Aqui se faz, aqui se paga. Lei do retorno. #voltaguerreira #bolsonaropresidente

  9. 1) O pai do cara, Fontenele pai, era funcionário da prefeitura , Secretario de Esportes;
    2) O cara ainda não era casado com a meretíssima juizeca vendida
    3) é Dinovo..

  10. Eu, como Mister Baixada Maranhense e médico psiquiatra, atesto que esse cabra é muito feio e essa juiza não bate bem do juizo pra se emancebar com esse demônio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *