NOTINHAS DA BOCA DA NOITE

Auditoria
O Tribunal Regional Eleitoral realiza na sexta-feira (14) a instalação da Comissão da Auditoria da Votação Eletrônica, que será presidida pela juíza Kátia Coelho de Sousa Dias. Na ocasião também serão definidas as datas para entrega das cédulas preenchidas pelos partidos e a data final de indicação dos representantes dos partidos (até DOIS por partido), que deverão acompanhar a Auditoria em Condições Normais de Uso.

Inelegível
O procurador regional eleitoral no Maranhão, Pedro Henrique Castelo Branco, reforçou nesta semana, em sede de alegações finais, que entende estar inelegível a candidata a deputada estadual Detinha (PR), esposa do deputado Josimar de Maranhãozinho (PR). Em sua defesa, ela havia alegado que conseguiu liminar para suspender efeitos de uma decisão do TJ cassando seus direitos políticos. Para a PRE, o fato de a candidata ter sido condenada por colegiado a mantém inelegível por oito anos, apesar da liminar (baixe aqui o parecer).

Falando nisso…
Por falar em Detinha, ela teve negada pelo TRE-MA uma liminar por meio da qual pretendia impedir os candidatos a deputado federal Júnior Marreca (Patriota) e a deputado estadual Toca Serra (Patriota) divulgassem evento de campanha em carros de som.

Deferido
Quem teve o registro deferido nesta semana foi o deputado federal Pedro Fernandes (PTB). Ele é candidato a primeiro suplente de senador na chapa de Eliziane Gama (PPS).

Apoio

Os advogados Ananda Farias e Daniel Blume e membros do seu grupo confirmaram hoje (12) uma composição com o grupo do atual presidente da OAB-MA, Thiago Diaz. “Sinceramente, estamos convictos que os quadros do nosso ‘Repense OAB’ colaborarão com Diaz eleitoralmente, ampliando o seu favoritismo. Também serão importantes para o êxito da próxima gestão da Ordem. Respeitamos as opiniões contrárias paixões, mas optamos – responsável, tranquila e racionalmente – pela reeleição de Thiago Diaz à Presidência da OAB-MA. Sigamos à vitória!”, destacou Blume.

Reclamação
O advogado Thales de Andrade protocolou no TJ uma reclamação disciplinar contra o estatístico Vitor da Silva, que assina pesquisas do instituto Exata – uma nova deve ser divulgada nesta semana. Segundo ele, por ser servidor do Judiciário o profissional não poderia atuar como estatístico em empresa privada. Baixe aqui a reclamação.

Reforço

Uma articulação do deputado Adriano Sarney (PV) favoreceu o reforço da candidatura de Sarney Filho (PV) ao Senado em Caxias. O parlamentar liberou algumas de suas bases em Matões, lideradas por Gabriel Tenório, para votar em Zé Gentil (PRB), pai do prefeito caxiense Fábio Gentil (PRB). Em troca, o prefeito e seu pai comprometeram-se a ampliar o apoio a Sarney Filho em Caxias. Pelo visto, deu certo…

Condenado
O ex-prefeito de Bom Jardim Roque Portela foi condenado à suspensão dos seus direitos políticos por cinco anos, ao pagamento de multa de 50 vezes a remuneração que recebia quando ocupava o cargo, proibição de contratar com o Poder Público por três anos, além do ressarcimento integral de danos, no valor de R$ 477.810,00. Ele é acusado de irregularidades na prestação de contas de um convênio.

Fechados
Helena Duailibe (SDD) declarou apoio à candidatura de Zé Reinaldo (PSDB) ao Senado. Ela foi secretária de Saúde durante o governo do tucano.


2 ideias sobre “NOTINHAS DA BOCA DA NOITE

  1. Pingback: TJMA vai apurar caso de servidor que assinou pesquisa da Exata - Gilberto Léda

  2. Pingback: TJMA vai apurar caso de servidor que assinou pesquisa da Exata – Blog do Samuel Bastos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *