Oposição resiste, mas Dino consegue aprovar aumento de impostos no MA

Os deputados da base de oposição retardaram o quanto puderam – e até contaram com apoio popular nas galerias -, mas a base aliada ao governador Flávio Dino (PCdoB) na Assembleia Legislativa fez valer sua força e aprovou o projeto de lei de autoria do Executivo que propõe novo aumento de impostos em várias áreas no Maranhão (saiba mais).

Envergonhados, no entanto, os governistas rejeitaram um requerimento do deputado Adriano Sarney (PV) para que a votação fosse nominal e, assim, ficasse mais fácil identificar quem apoiou e quem foi contra a matéria.

Segundo a proposta do governo, a maior alta, assim que a base aliada aprovar a proposta, se dará nas operações de produtos como refrigerante, energéticos, isotônicos, embarcações de esporte e de recreação – inclusive esquis aquáticos, kites e jets skis -, rodas esportivas para automóveis e drones, por exemplo.

Para essas categorias, o ICMS a ser cobrado passa de 25% para 28,5%.

A gasolina assa de 26% também para 28,5%.

Além disso, o governador quer acrescentar óleo diesel e biodiesel à lista de produtos que recebem um adicional de dois pontos percentuais na alíquota do mesmo ICMS. Nesse caso, o imposto sobre esses produtos subiria de 16,5% – já de acordo com a nova lei -, para 18,5%.

Há, ainda, previsão de aumento de imposto para cerveja, chopp e outras bebidas alcoólicas.

Se for sancionado ainda nesta semana, os novos aumentos passam a valer a partir de março de 2019.


13 ideias sobre “Oposição resiste, mas Dino consegue aprovar aumento de impostos no MA

    • Eu não votei e nunca voto nesse povo, com ações comunistas, agora o povo todo sofre com a inconsequência dos que colocaram esse comunista lá; tem um outro link onde denúncia que o deputado BRINDE, fez uma campanha contra esses aumentos, porém não apareceu para votar, que adianta a campanha de o voto ele não deu a favor do povo! 😕

  1. Pingback: "Pacote de Maldades": saiba quem votou a favor do aumento de impostos - Gilberto Léda

  2. Rogério, você aí acima e a todos, incluindo aí a este site sarneysta. O Flávio Dino, apontado como o melhor governador do Brasil, vem aumentando os impostos no MA porque ele pegou o estado falido por causa da corrupção de 50 anos das famílias Sarney, Murah e Lobão que deixaram o MA quebrado sem dinheiro. Essas famílias pegaram carona com o Lula, com a Dilma, com o Temer e agora, malandramente, quer pegar carona com o Bolsonaro. Eu creio que o Bolsonaro vai ser o melhor presidente do Brasil e não vai dar apoio a essas famílias corruptas e desgraçadas aqui no MA. A população do nosso estado já decretou falência dessas três famílias no voto. E bem feito. Vão roubar no inferno e não aqui. E essa oposição está com os dias contados na Assembleia. Vocês viram nas eleições do 10/2018 que a população expulsou essas famílias do estado. Só restou esse tal de Adriano Sarney que vai conhecer o fim nas próximas eleições. É 65 de novo em 2022 no primeiro turno. Você, dono do site, vai seguir o mesmo destino de outros sites Sarneystas, o fim.

  3. Os eleitores que votaram para a reeleição de Flavio Dino estão a essa hora comemorando esse pacote que, para eles, é um pacote de bondades. E viva o Maranhão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *