Em Santa Rita, Prefeitura lança selo comemorativo aos 56 anos

A Prefeitura Municipal de Santa Rita deu início aos preparativos para as festividades em comemoração aos 56 anos de emancipação política da cidade. Para isso, a prefeitura divulgou hoje (13), o selo em comemoração alusiva ao aniversário do município, que deverá está contido em todo material de divulgação e publicidade dos eventos.

Criada em 02 de dezembro de 1961 pela Lei nº 2159, o município que foi desmembrado de Rosário cresceu e hoje cresce ainda mais. Atualmente tem se destacado pela realização de importantes investimentos em benéfico da população, com diversas obras relevantes que desenvolve o município a curto prazo e faz o povo voltar a ter uma qualidade de vida melhor.

Os indicadores sociais começam a mostrar uma nova realidade, uma cidade próspera e que as margens da BR 135 vem ganhado visibilidade e curiosidade de visitantes das mais diversas regiões do país.

“Nos 56 anos de Santa Rita nosso povo tem o que comemorar, estamos trabalhando com afinco para ter uma Santa Rita cada vez melhor, investindo em habitação, saúde, educação e fazendo obras estruturantes para recuperar o tempo perdido”, afirmou Hilton Gonçalo – prefeito da cidade.

O aniversário de emancipação política é dia 02 de dezembro, e tudo indica que será uma grande festa, em grande estilo, incluindo programação cultural, inaugurações e ato solene.

Prefeitura fortalece barreira imunológica com vacinação domiciliar de cães e gatos

Agentes de saúde vacinam animais de casa em casa
(Crédito: Divulgação Secom)

Com o objetivo de fortalecer a barreira imunológica contra a transmissão do vírus da raiva, a Prefeitura de São Luís tem trabalhado para cumprir a meta de imunizar 160 mil cães e gatos da capital. No último fim de semana, foi concluída mais uma etapa da vacinação em bairros da capital totalizando 81.324 animais imunizados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus). A vacinação é a forma mais eficaz de combate à raiva.

Para o secretário municipal de Saúde, Lula Fylho, a estratégia adotada na gestão do prefeito Edivaldo tem o objetivo de ampliar a cobertura vacinal, facilitando o acesso à vacina. “Esse é um trabalho colaborativo entre a Prefeitura e a população ludovicense. É através dessa parceria que estamos avançando com a vacinação e é por meio desse comprometimento que vamos garantir que a raiva permaneça longe de nossa cidade”, enfatizou o gestor.

Nos dias 10 e 11 de novembro, as equipes da Unidade de Vigilância em Zoonoses (UVZ) estiveram em bairros como Chácara Brasil, Turu I, Jardim de Fátima, Cohab Anil I, II, III e IV , Cohatrac I, Planalto Anil I, II, III e IV, Jardim das Margaridas, Forquilha, Cruzeiro do Anil, Aurora, Parque Universitário, Isabel Cafeteira, Pirapora e Conjunto Santos Dumont. As atividades acontecem também no Conjunto Jaguarema, João de Deus, Residencial João Alberto, Residencial Edson Lobão, São Cristóvão, Parque Universitário, João de Deus, Cohapan, São Bernardo, Vila Brasil e Ipem São Cristóvão.

No próximo fim de semana, nos dias 17 e 18 de novembro, a ação terá prosseguimento em bairros da área do Tirirical. Na sexta-feira (17), a visita domiciliar acontece das 13h às 17h, e no sábado, das 7h às 13h. A visita domiciliar permitiu a vacinação de 53.400 cães e 27.924 gatos, facilitando o acesso à imunização e mantendo o controle epidemiológico, por meio da oferta permanente da vacina.

O coordenador da UVZ da Semus, João Batista Pires, afirmou que apesar de não ter casos registrados de raiva, é importante prosseguir com a vigilância. “Estamos trabalhando para conscientizar a população para a importância da vacina. Grande parte dos ludovicenses que possuem animais já aderiram à campanha e, por esse motivo, estamos avançando cada vez mais”, disse.

São vacinados animais que têm pelo menos três meses de idade, exceto os animais que estejam doentes e as fêmeas no último mês de gestação. Nesses, e em outros casos que impeçam a imunização domiciliar, como ausência dos moradores, os proprietários dos animais devem procurar na Unidade de Vigilância em Zoonoses (UVZ), localizada na  Estrada de Ribamar, para realizar a vacinação.

Marcha para Jesus em Pinheiro é prestigiada

Mais de 15 mil pessoas participaram, no último sábado (11), de mais uma edição da Marcha para Jesus do município de Pinheiro, na região da Baixada Maranhense.

O prefeito da cidade, Luciano Genésio — acompanhado da primeira-dama Thaíza Hortegal; do deputado federal Waldir Maranhão; vereadores e outros lideranças políticas e comunitárias – fez questão de prestigiar o evento, participando de todo o cortejo que percorreu várias vias do município.

“Faço questão de estar ao lado do povo, participando de toda e qualquer manifestação popular e religiosa de nossa cidade”, afirmou Genésio.

Além do cortejo, o evento foi marcado por orações feitas por vários pastores e louvação ao Senhor Jesus Cristo.

População aponta maior segurança no trânsito com sinalização eletrônica implantada pela Prefeitura

Faixas exclusivas foram demarcadas nas avenidas Colares Moreira e Castelo Branco e nas ruas Cajazeiras e Rio Branco
(Crédito: Divulgação Secom)

(Com informações da Secom)

“A fiscalização eletrônica traz maior segurança ao trânsito, dando tranquilidade tanto para o motorista quanto para o passageiro”, ressaltou o taxista William Abreu, 32 anos. A categoria está entre os beneficiados com a implantação do novo sistema de fiscalização eletrônica no trânsito, já que a instalação de fotossensores nas vias permitiu a criação de uma faixa exclusiva para ônibus, ambulâncias, táxis com passageiro e viaturas das polícias e da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT).

Com a fiscalização, que começou a funcionar nesta sexta-feira (10) em caráter definitivo, o poder público municipal monitora o trânsito da cidade através de fotossensores, além de câmeras para detectar, entre outras infrações, o uso de celular na direção, formação de fila dupla, avanço de sinal, estacionamento irregular e o não uso do cinto de segurança. Equipamentos como barreiras eletrônicas, para redução de velocidade em trechos específicos, também estão integrados ao sistema de monitoramento do trânsito da capital.

O secretário municipal de Trânsito e Transporte, Canindé Barros, destacou os benefícios da nova fiscalização eletrônica para a segurança do trânsito. “O cumprimento das leis de trânsito, especialmente a atenção aos limites de velocidade, é uma postura que contribui para a promoção de um trânsito mais seguro para todos. Por isso, estamos estimulando os condutores para esse respeito à sinalização. Essa é uma ação que também faz parte do projeto de reestruturação do sistema de trânsito e transporte da cidade”, afirmou o secretário.

FAIXA

Outras estratégias, como a da faixa exclusiva, que permite que veículos específicos circulem com mais eficiência, também integram essa nova configuração do trânsito da capital. Além de beneficiar os condutores dos veículos específicos, as faixas exclusivas – implantadas nas avenidas Colares Moreira e Castelo Branco e nas ruas Cajazeiras e Rio Branco – favorecem os usuários do transporte coletivo. Para os passageiros, as vantagens incluem a possibilidade de um menor tempo de viagem.

A universitária Lurdiane da Silva, 18 anos, utiliza o transporte público diariamente e confirmou que a proposta da faixa exclusiva beneficia também os usuários dos coletivos. “Dessa forma o ônibus passa menos tempo no engarrafamento. Eu torço para que dê certo e as pessoas respeitem a mudança, pois vai melhorar bastante para quem precisa pegar ônibus todo dia”, reforçou a estudante.

Para Frank Sinatra de Sousa, 36 anos, a fiscalização do uso correto da faixa exclusiva favorece a conscientização dos condutores. “A fiscalização contribui, principalmente, para educar os condutores no trânsito. É assim, com respeito, que a faixa exclusiva terá maior eficácia, favorecendo a fluidez no trânsito”, disse.

Os fotossesores estão localizados em trechos da Avenida Daniel de La Touche, nas imediações do Colégio Adventista, do Bambuzal e da Avenida Principal do Cohajap; da Avenida Colares Moreira, próximo ao Tropical Shopping e Loja da TAM; da Avenida Castelo Branco, nas imediações da Igreja do São Francisco e do Posto Hélio Viana. Também podem ser encontrados na São Luís Rei de França, na altura da Caixa Econômica e da Extrafarma; na Carlos Cunha, próximo ao Fórum de Justiça; na Jerônimo de Albuquerque, nas proximidades da Forquilha, entre outros pontos da cidade.

Hilton Gonçalo revela decepção com Flávio Dino

Hilton cumprimenta cidadã em Santa Rita

O prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, disse nesta sexta-feira (10), em entrevista exclusiva à revista Maranhão Hoje a ser publicada na edição de novembro, que não descarta deixar o PCdoB e disputar novo cargo majoritário numa chapa de oposição ao governador Flávio Dino, que é do seu partido, ou mesmo apenas apoiar um outro candidato que faz oposição ao Palácio dos Leões. Hilton não esconde a decepção de ser um dos poucos prefeitos que não fazem convênios com o Estado, mesmo tendo apoiado o governador em em 2014 no seu município e nos demais onde tem influência, dando-lhe uma excelente votação nesses lugares.

Hilton Gonçalo chegou a dizer que Flávio Dino precisava mexer na sua equipe e colocar em pontos chaves não apenas quem tem conhecimento técnico, mas sensibilidade política, ou seja, pessoas que conheçam a realidade do estado, sabem das necessidades das populações mais carentes e queiram trabalhar em parceria com os gestores municipais para amenizar esses problemas.

Para ele, fica a dúvida se os secretários não atendem os pleitos de alguns prefeitos por má vontade ou por desconhecimento ou então, o que seria mais grave, se falta autonomia para gerenciarem suas pastas.

O prefeito disse que pouco tem conversado com Flávio Dino, porém outros políticos, reconhecendo sua popularidade e o trabalho que vem realizando em Santa Rita, o têm procurado para conversar, dentre eles o senador Roberto Rocha (PSDB), o deputado Eduardo Braide (PMN), José Reinaldo Tavares (PSB) e outros, mas não tem estendido negociações, tampouco firmado compromissos, pois no momento está mais focado em fazer um bom governo em Santa Rita e ajudar sua mulher, Fernanda Gonçalo, a fazer uma boa gestão em Bacabeira.

Hilton diz que, apesar de não receber nenhuma ajuda do Estado, continua tocando obras em seu município, como pavimentação de ruas e estradas vicinais, ampliação dos serviços de água, construção de moradias para famílias carentes, adquirindo equipamentos para hospital etc. Indagado se já apresentou algum projeto ao governo, diz que sim, mas como nunca foi atendido deixar de pedir. Segundo ele, foram negadas ajudas para o Carnaval e o São João, ser incluído no Mais Asfalto, ajuda ao hospital municipal e sua série de outros pleitos.

O prefeito acha que o problema pode estar no estilo do governo trabalhar com os municípios, ou seja, em vez  convênios com as prefeituras, o Estado executa as obras sem ao menos consultar o gestor municipal, prática com a qual não concorda, mas lança um desafio: “se o governador quiser fazer alguma coisa pelo povo de Santa Rita, que faça, as ruas da cidade estão liberadas para ele entrar e fazer o que quiser”.

Sobre seu projeto político, Hilton Gonçalo diz que ainda não está decidido, mas gostaria de disputar o Governo do Estado ou uma cadeira no Senado, mas aceitaria também ser vice-governador. Tudo vai depender, segundo ele, de como sair da prefeitura sem prejudicar o andamento de suas obras e sem interromper as parcerias com Bacabeira, pois sabe que o sucesso ou o insucesso da gestão de sua esposa pode afetá-lo e vice-versa, isto é, tem de mostrar serviços para que uma má gestão em Santa Rita não prejudique a de Bacabeira.

Prefeitura de São Luís apoia destinação responsável de embalagens vazias de agrotóxicos

Com o apoio da Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa) e do Governo do Estado, via Secretaria de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) e Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Aged), foi realizada nesta quinta-feira (9), uma ação de recebimento itinerante de embalagens vazias de agrotóxicos na zona rural de São Luís. A ação contemplou os pequenos produtores agrícolas e foi realizada pelo Sistema Campo Limpo, do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev).

“Mais uma ação com a parceria da Prefeitura de São Luís e Governo do Estado, contemplando os agricultores familiares e pequenos agricultores da capital, mostrando a preocupação com o meio ambiente e a saúde da população que consome os produtos agroecológicos da nossa terra”, destacou o titular da Semapa, Ivaldo Rodrigues.

O Sistema Campo Limpo tem como base o princípio das responsabilidades compartilhadas entre todos os elos da cadeia produtiva (agricultores, fabricantes e canais de distribuição, com apoio do poder público) para realizar a logística reversa de embalagens vazias de defensivos agrícolas.

O Brasil é referência mundial na destinação ambientalmente correta do material, encaminhando 94% de embalagens plásticas primárias para reciclagem ou incineração. Já o Maranhão é o segundo estado do Nordeste em destinação adequada desse material.

Para o secretário da Sagrima, Márcio Honaiser, a ação conjunta reforça a preocupação do Governo do Estado com a produção agropecuária sustentável. “Nós temos incentivado, não só no agropolo da Ilha, como nos demais agropolos, a produção agroecológica, com menor uso de agrotóxicos. Colaborar com uma iniciativa como esta, que trabalha mais uma etapa da cadeia produtiva, só reforça a intenção de termos uma produção cada vez mais sustentável”, afirmou o gestor da Sagrima.

Agricultor entrega embalagem vazia de agrotóxico para destinação correta
(Crédito: Divulgação Secom)

A Prefeitura de São Luís e o Governo do Estado vêm apoiando a iniciativa, em parceria com associações e sindicatos de produtores, mobilizando os agricultores a comparecerem às centrais e postos de recebimento de embalagens, e nas ações itinerantes de recebimento. Só em 2016, os produtores maranhenses devolveram mais de 780 mil kg de embalagens vazias de agrotóxicos para uma destinação ambientalmente correta.

“O recebimento itinerante é uma ferramenta que foi criada para inserir o pequeno agricultor em todo o processo de destinação ambientalmente correta das embalagens de agrotóxicos, que são agentes contaminadores que podem trazer riscos à saúde deles e do meio ambiente”, explica o presidente da Aged, Sebastião Anchieta.

Ao agricultor compete devolver a embalagem tríplice lavada e perfurada, no prazo de um ano a contar da data da compra do produto, no local indicado na nota fiscal. Ao comerciante cabe disponibilizar ao agricultor um local para a devolução das embalagens vazias e indicá-la na nota fiscal.

O fabricante do produto deve encaminhar as embalagens devolvidas pelos agricultores ao seu destino final, que é a reciclagem ou incineração. A competência do poder público é fiscalizar todo o processo e implementar ações educativas junto a todos os envolvidos da cadeia.

Edivaldo Rocha Araújo é produtor agrícola do assentamento Cinturão Verde, e diz que esse ano utilizou ¼ da quantidade de agrotóxicos do ano passado. “Graças ao trabalho do poder público, com os cursos preparatórios junto à comunidade produtora, vamos reduzindo essa quantidade. A nossa vontade é poder produzir a zero o uso de agrotóxicos em nossas plantações”, disse o produtor.

Urbano Santos ganhará unidade de saúde e três escolas reformadas

Obra da UBS Estiva da Mangabeira está quase sendo finalizada

A população de Urbano Santos será beneficiada com mais uma Unidade Básica de Saúde (UBS). Acaba de ser concluída a obra de construção da UBS Estiva da Mangabeira. A prefeita Iracema Vale fez uma vistoria no prédio neste final de semana. Assim como o setor de Saúde tem recebido atenção especial da gestão municipal atual, a Educação também tem recebido investimentos constantes.

O reflexo disso fica evidente em melhorias contínuas nas instalações das escolas municipais, tanto por meio de reformas e ampliações, quanto pela construção de novos prédios. A prefeita também acompanhou os últimos detalhes da obra de construção da nova escola da Liberdade. O prédio novo terá 06 salas de aula e já está quase pronto, na parte de finalização do acabamento.

Além da construção de uma escola nova, a prefeitura entregará a população 36 escolas reformadas. Deste total, 06 escolas reformadas e também estão sendo ampliadas, como é o caso da U.E.B Nossa Senhora da Paz, no Capão; da escola do povoado de Lagoinha.

Somado a outros esforços da Secretaria Municipal de Educação (fornecimento de transporte e merenda escolar adequados, professores motivados em sala de aula, projetos de incentivo a leitura, artes e conhecimento multidisciplinar, entre outros) é possível perceber a transformação no processo de aprendizagem dos alunos da rede de ensino municipal de Urbano Santos.

·      Acompanhe parte das obras:

·      Conclusão da obra da nova UBS Estiva da Mangabeira.

·      Reforma e ampliação da UEB Nossa Senhora da Paz, no Capão.

·      Reforma e ampliação escola do povoado Lagoinha

·      Escola da Liberdade quase pronta.

Edivaldo rebate críticas e diz que trabalha pela cidade

Em vídeo postado nas redes sociais, o prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), rebate às críticas feitas à sua gestão. Ele deixa claro que está trabalhando pela cidade, faz referência às chuvas que impossibilitam determinadas obras e disse que não precisa estar “o tempo todo na mídia”

VEJA O VÍDEO (Cedido pelo Blog do Jorge Aragão)

Professores protestam em Cururupu contra prefeita comunista

Professores da rede pública protestaram, na manhã de hoje (19), contra a gestão da prefeita do município de Cururupu, Rosária de Fátima Chaves, do PC do B – conhecida por professora Rosinha. De acordo com os docentes, a gestora desvaloriza a classe.

A manifestação foi na própria cidade. Com cartazes, os professores disseram que, até o momento, a prefeita da cidade não cumpriu com as promessas ditas em campanha, no ano passado. Até mesmo pneus foram queimados.

Ainda segundo os docentes, caso as melhorias não sejam feitas, até mesmo uma greve não está descartada.

A professora Rosinha foi eleita com 62% dos votos, recebendo pouco mais de 10 mil votos.

 

Luciano Genésio tem aprovação popular de 82,1%

O prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio (PP), conseguiu bom índice de aprovação pelo seu trabalho à frente do Município. De acordo com pesquisa, divulgada esta semana, Genésio tem 82,1% de aprovação. Apenas 14,3% desaprovam a sua gestão e 3,6% não souberam opinar.

O alto índice de aceitação ao trabalho do prefeito no município reforça a confiança popular. Em pouco tempo, ele precisou tomar medidas urgentes e necessárias, como a decretação do estado de emergência na saúde. Esta, inclusive, foi uma de suas primeiras medidas à frente do governo municipal.