PMs invadem casa na Vila Kiola e baleiam vendedor na perna

A ação desmedida de cinco policiais – um deles à paisana –, na tentativa de resolver uma briga de vizinhos, culminou com um crime que causou revolta na comunidade da Vila Kiola.

O vendedor Marcos Antonio Araújo Cruz, 35, foi baleado três vezes nas pernas depois que cinco PMs invadiram sua casa, na manhã deste domingo (2).

Tudo começou na noite do dia 31 de dezembro. Marcos foi à casa de um vizinho reclamar do volume do som, que estava muito alto. A casa funciona como bar.

A esposa de Marcos acabou de dar à luz uma criança e estava se sentindo incomodada porque a criança não conseguia dormir. Não houve acordo e, já na madrugada do dia 1º de janeiro, quando os dois vizinhos conversavam em frente à casa de Marcos sobre o problema, a esposa do dono do bar se aproximou e desferiu-lhe um tapa.

Marcos reagiu e houve luta corporal entre os três. Um neto do casal também se envolveu e, segundo Marcos, o ameaçou com duas facas e um garfo.

Terminada a confusão, todos foram para suas casas. O som permaneceu alto o restante da madrugada.

No sábado (1º), Marcos Cruz registrou ocorrência. Mas foi na manhã deste domingo (2) que ele viveu seu pesadelo. Por volta das 9h da manhã, ele foi fechar o portão de casa depois de uma cunhada ter saído.

Na porta, avistou um carro preto – onde estava o policial à paisana – e uma viatura da PM que, segundo Marcos, era de Panaquatira.

“Quando eu apareci na porta, um deles já foi dizendo: ‘ei, vagabundo, é você que gosta de bater em velho?’”, declarou Marcos.

Ele pressentiu o perigo e fechou o portão, mas o primeiro PM já avançava em sua direção, atirando. Dentro de casa, ele fechou portas e janelas.

Os PMs abriram o portão e arrombaram as duas portas da casa do vendedor. Já dentro da casa, deram vários tiros e fizeram ameaças. “Eles sabiam que não estava certo o que eles estavam fazendo, porque não tinham mandado, não tinham nada, porque não sou criminoso. Então eles queriam que eu fosse com eles para a rua”, afirma Marcos.

Receoso pela vida da mulher e da filha, a vítima concordou em sair de dentro de casa, mas não deixou os militares levarem-no para a rua. “A gente ficou lutando no terraço”, disse.

Foi quando a primeira das trapalhadas ocorreu. No momento em que deu uma coronhada em Marcos, um dos policiais acabou atirando no próprio pé acidentalmente. “Ele caiu gritando. A arma para um lado, o pente para o outro”, lembra.

A violência do bando, então, aumentou. Os quatro PMs restantes deram socos e pontapés na vítima e, antes de ir embora, desferiram tiros nas pernas de Marcos, que foi levado ao Socorrão II pelos próprios PMs.

Os PMs foram embora. O blog já tentou contato com a assessoria de comunicação da Secretaria de Segurança Pública, sem sucesso. Informações extra-oficiais dão conta de que dois dos militares já estão presos no Comando Geral da Polícia Militar.

O policial à paisana foi identificado apenas como sargento Amâncio. Ele seria amigo dos proprietários do bar.


0 pensou em “PMs invadem casa na Vila Kiola e baleiam vendedor na perna

  1. Conte o caso como foi, se é para dar uma notícia, comente da forma mais verídica possível, escute os dois lados e depois publique. Por isso esse Brasil não vai pra frente, está tudo trocado, o bom vira bandido e bandido vira mocinho!

    • Por isso que este Brasil ESTÁ indo para a frente, amigo. Porque a sociedade começou a não aceitar mais bandidos na PM. Homens com mente autoritária, dos tempos da ditadura. PM nenhum pode entrar na casa de um cidadão sem mandado, salvo em flagrante delito ou risco iminente. Agora, se vc tiver coragem, comente aqui com seu nome verdadeiro. Não tente se esconder atrás de um pseudônimo, porque isso só me dá ainda mais certeza de que a história aconteceu tal e qual narrada aqui no blog.

  2. Antes de escrever tais mentiras que ajudarão a deixar impune o verdadeiro criminoso, exerça a sua profissão com a dedicação e a responsabilidade que ela requer. Assim, sugiro que investigue melhor os fatos e comprovará que o ocorrido com a tal “vítima” não causou revolta, mas alívio àqueles que conhecem as atrocidades feitas por essa criatura e seu comparsa (o qual você se quer cita!). Obrigada!

    • Fácil falar escondendo-se atrás de nomes falsos. Revele-se e, se tiver provas, conte-me a sua “verdade”. Pois, até agora, o que eu tenho é um homem que foi baleado nas pernas, dentro de casa (e eu tenho fotos de dentro da casa dele para provar) e dois PMs presos em flagrante pelo ato. Quem é a vítima? Antes de defender policiais desta estirpe, você deveria pensar que a próxima vítima pode ser você ou algum dos seus.

  3. Isso é um absurdo, estes policiais não podem ficar impune, eles tem que nos defender e não sair atirando em cidadão trabalhador…

  4. Pessoas que defendem esses bandidos fardados ,são puros bandidos iguais ou piores a eles sendo que um pai de familia é vitima desses bandidos que se escondem atraz de uma farda de PM´s .

  5. Realmente não podemos mais ficar calados diante dessas barbáries. A polícia não pode mais admitir pistoleiros dentro do seu contingente. Já nos sentimos inseguros com a violência crescente na nossa cidade; será que não podemos contar nem com a polícia prá nos proteger?

  6. A polícia deveria usar da sua autoridade para resolver pacificamente qualquer tipo de situação que assim exija e não sair atirando e invadeindo a casa das pessoas.

  7. “Policia para quem precisa de policia”, Bichos escrotos… Marcos AMIGO, força, paz e Justiça será feita, aqui ou lá!!!
    Não podemos aceitar mais que pessoas do bem e trabalhadoras sejam agredidas por opressores e bandidos fardados de policia.

  8. SIMPLESMENTE ISSO É UMA VERGONHA UM QUE ACONTECEU COM O MARCOS, ESSES BANDIDOS VESTIDOS DE POLICIA ACHAVAM QUE ELE ERA UMA PESSOA QUALQUER, MAS TEM FAMILIA E VAMOS NA JUSTIÇA PARA O Q DER E VIER, AGORA FICA ESSA INVENTANDO QUE ELE É BANDIDO MENTIRA
    É UM PAI DE FAMILIA E TRABALHADOR E QUE A MULHER ACABOU TER UM FILHO………JUSTIÇA SERÁ FEITA……

  9. É isso aí, temos que estourar a boca do balão… é desse jeito que as coisas vão pra frente!!! E justiça será feita

  10. Interessantes alguns comentários – pelo que entendi – defendendo a ação dos policiais, ou pedindo para que seja visto o outro lado… que outro lado? Independentemente do que o Marcos (deixando claro que não o conheço e não sei de nada a seu respeito) tenha feito ou não, nenhum policial – aliás, ninguém – pode invadir a casa de um cidadão sem qualquer mandado judicial para agredir-lhe e ameaçar-lhe, é um absurdo!!!

    Letra do art. 5º, XI, da Constituição da República:
    “a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial.”

    É uma pena que ainda tenhamos bandidos dentro da nossa polícia…

  11. Só teno a lamentar por mais uma atrocidade como essa.
    Marcos espero q se recupere logo.
    Gilberto sua materia foi mais q bem feita e é só por causa dela q justiça será
    feita.

  12. ACHO QUE AS PESSOAS ANTES DE QUALQUER COMENTARIO DEVERIAM INVESTIGAR PRA SABER O QUE REALMENTE ACONTECEU…

    • A pessoa que pede a todo instante para que investigue o que aconteceu, sabe do ocorrido. O que ela quer é confundir a cabeça dos leitores do blog, com mentiras, acusando a vitima de bandido. Porque ela não fala que um dos policias era sobrinho do vizinho que brigou com marcos, que esse policial estava de folga, que ele passou a madrugada toda na rua apoiado por um carro da policia no final da rua e outro preto no começo só esperando a vitima sair de casa, porque ela não fala que a verdadeira intensão era acabar com a vida de um pai de familia trabalhador que faz tudo pelas filhas e que ele apenas tentou defender sua familia, por que? talvez porque, assim como ela e os corvardes(policias) que fizeram isso com marcos imaginavam q isso iria fk por isso msm, que ele era “zé ninguém”, mas como todos vemos o que está acontecendo é bem diferente. Assim como ele quero apenás justiça nada mais do que isso e q isso sirva de exemplo para as pessoas não se calem, corram atrás dos seus direitos.

  13. MEU DEUS!!!QUE PAÍS E ESSE??….acredito que antes de jugar um ou outros…a justiça (mais precisamente) deve investigar quem é de verdade esses policiais e a vitima..buscando toda as informações precisas..e n só julgar com tanta euforia um ou outro..pelo o que aconteceu naquele momento…devemos conhecer quem é quem para saber o motivo da ação dos policiais e assim saber de verdade quem é o errado…..JUSTIÇA TEM QUE SER FEITA CONCERTEZA!!!!MAS…COM QUEM REALMENTE PRECISAR ESTAR A MUITO TEMPO ATRAS DAS GRADES!!!CONCORDAM????

    • Plenamente. Agora, diga-me onde está a injustiça no post? Ouvi a vítima e tomei o cuidado de ouvir o comando da PM. Quanto aos comentaristas, leve em consideração que muitos, pelo que vi, são amigos da vítima ou dos acusados. Então, há um componente emocional envolvido. Isso há que ser relevado.

  14. Antes de qualquer afirmação ou julgamento precipitado, as pessoas deveriam saber o que realmente aconteceu pra não sair falando baboseiras sem sentido.
    O que Marcos vende mesmo?
    uma criança com 2 facas e um garfo? ele tinha o que ?! três mãos?
    Quando se houve só um lado da história, contado somente por uma pessoa fica difícil de acreditar ainda mais com algumas coisas sem sentido ditas pela “vítima”, quem assistiu o jornal viu, e cada hora ele fala uma coisa diferente…
    Antes de sair me julgando preste um pouco mais de atenção!
    ;D
    Vamos aguardar as investigações!

    • Julgando vc, amigo? Quem é vc? double_yellow mesmo?… O que é isso?

      Exato, “vamos aguardar as investigações!” Quero ver você falar com essa autoridade ao coronel Jeferson, que já declarou publicamente que o sgt. Amâncio mentiu em depoimento, quando disse que foi a vítima quem o atingiu com um tiro. Jeferson diz, textualmente: “fizemos uma investigação criteriosa na casa e não encontramos arma alguma”.
      Sgt. Amâncio atingiu o próprio pé com sua própria Ponto 40. Isso é fato.
      E, se vc acompanhou o blog, viu que ouvi todos os lados: a vítima, pessoalmente, e os acusados por intermédio da assessoria de comunicação da SSP – até pq os próprios policiais não posso ouvir, já que estão presos. Além disso, as delcarações do coronel foram públicas e nenhuma delas abona a conduta dos três policiais.

      Grato pela participação.

    • vc falando dessa forma é tão covarde quanto 0s policiais q agrediram o marcos,citando crianças.ha não ser q uma criança de 10 dias de nascido é capaz de porta duas facas e um garfo como assim relata(joão)no mundo em q vivemos ninguem tem o poder de(julgar)mais sim de comentar a verdade,e essa é a verdade.esse cara(marcos)foi tão homen q botou sua vida na frente de sua esposa e filha!coisa q vc ñ teria corage de fazer..então não comenta merda,seu merda

  15. Imparcialidade passou foi longe, pelo o que posso ver nas respostas dos comentários feito pelo jornalista.

    • Quem disse a você que tenho esse sonho de ser imparcial? Isso é bobagem de teóricos sem vivência prática. Aqui, tomo partido, sim. A diferença é que dou voz ao outro lado, sempre. É o mínimo que posso fazer. E faço. Grato pela participação.

  16. Caro, “João” vou responder sua pergunta: Quem é Marcos Cruz, ele é um vendedor exemplar da empresa Rede Flex, uma distribuidora de Chip no Maranhão, ele é um dos melhores e não tem antecedentes criminais nenhum, agora te pergunto quem é Sargento Amancio, um bandido da pior especie que se esconde atras de um farda. Então se vc for algum deles, vc sabe a verdade, caso não seja, espere pra vc ver o fim deste covardes…

  17. Gilberto,

    Gostaria de perguntar a essas pessoas que fizeram os comentarios sobre a vida do Marcos, se eles não tem coração e nem familia, pois idependente do que ele seja ele e um ser humano, e pelo que vi e um grande pai de familia. Parabéns que seja feita justiça.