Joaquim Haickel e Max Barros discutem obras no Castelão

Joaquim Haickel explica o que pretende a Max Barros

O secretário Max Barros (Infraestrutura) informou ao secretário de Esportes, Joaquim Haickel, nesta segunda-feira (17), que o contrato de reforma do Castelão, firmado com a Petra no governo Jackson Lago (PDT), foi rescindido e que serão necessários cerca de R$ 50 milhões para concluir a obra.

A notícia foi dada nesta tarde, durante visita de Haickel à Sinfra para discutir medidas que viabilizem a conclusão da reforma. O secretário de Esportes estabeleceu como meta reinaugurar o estádio em setembro de 2012, aniversário de São Luís, com um amistoso entre Brasil e França.

“Esse valor [R$ 50 milhões] é ainda fruto de uma estimativa, mas os técnicos da Sinfra estão trabalhando para elaborar um orçamento mais detalhado”, explicou Max Barros.

Durante a visita, Joaquim Haickel reafirmou a intenção de manter uma parceria com a Sinfra para que a obra seja comcluída.

“A intenção é reinaugurar em setembro do ano que vem. Ou seja, tem bastante tempo. Se trabalharmos em parceria não vejo problema em cumprir esse prazo”, completou.


0 pensou em “Joaquim Haickel e Max Barros discutem obras no Castelão

  1. Gilberto, tu acha mesmo provável que a França jogue com o Brasil em setembro de 2012, sendo que essas seleções já vão jogar proximo dia 05/02…
    Seria um revanche? Ou é utopia do nobre secretário de esportes…?!?