“Só não lhe bato porque você é mulher”, diz Castelo a professora

Professora vai registrar ocorrência

O prefeito João Castelo perdeu as estribeiras, nesta quinta-feira (17), durante a posse da nova gestão Conselho Municipal de Educação de São Luís. A solenidade ocorreu no auditório Reis Perdigão, no Palácio La Ravardière.

Após o evento, a professora Maria Lindalva Batista, presidente do Sindicado dos Professores do Município de São Luís e conselheira municipal de Educação, abordou o prefeito para saber os motivos pelos quais ele teria mandado vetar na Câmara Municipal o projeto de lei de classificação dos professores e determinado o não cumprimento do piso salarial exigido pelo STF.

Foi o bastante para o tucano “descer do salto”. “Esse projetos são eleitoreiros, de ex-prefeitos, e eu não vou aceitar”, disse o prefeito, segundo Maria Lindalva.

Logo em seguida, revela a professora, ele emendou: “Só não lhe bato porque você é mulher”.

Anda nervoso o prefeito, não?

Maria Lindalva ainda foi expulsa do auditório por seguranças. Ela vai registrar ocorrência contra o prefeito ainda na tarde de hoje.

(Com informações do blog do Prof. Caio)


9 pensou em ““Só não lhe bato porque você é mulher”, diz Castelo a professora

  1. Quem vai acreditar num bicho doido desse, essa mulher é loca , olha para a cara dela, isso é esquizofrênica meu camarada, e totalmente fora de si, tem que levá-la para o hospício urgente. Com certeza ela deve ter desacatado a autoridade do Prefeito, vc não pode acreditar num negocio desses, não tem cabimento. Já basta o Dep. Roberto Costas fazedor de média e papo dez querer fazer barulhos contra o prefeito.
    É na época de ele~ições sempre acontece dessas coisas inacreditáveis.

  2. Essa senhora é muito ignorante e já chega colocando o dedo na cara do prefeito e além de está a quase vinte anos em pisar em uma sala de aula. “LOUCA POR DINHEIRO”

  3. Hiram , meu caro ?

    És um fantasma ( mais um )da prefeitura ?…Nem Gardênia se atreve a defender o tal prefeito com tanto empenho. Cuidaddo !

Os comentários estão fechados.