Reforma do Castelão começa nesta quinta

Do blog do Jorge Aragão

O secretário de Estado de Infraestrutura, Max Barros, assinará, nesta quinta-feira (8), às 10h da manhã, a ordem de serviço para início das obras de conclusão da reforma do estádio Castelão, em São Luís. A solenidade oficial acontecerá no próprio estádio, com a participação do secretário de Estado de Esportes e Lazer, Joaquim Haickel.

A expectativa do governo é entregar um estádio totalmente novo à comunidade desportiva do estado no dia 8 de setembro do ano que vem, como parte das comemorações pelos 400 anos de São Luís.

“A reforma fará do Castelão um estádio ultramoderno, que atende a todas as exigências da FIFA e do Estatuto do Torcedor no que diz respeito ao conforto e à segurança do público e será mais um presente do governo do Estado à cidade de São Luís”, destacou Max Barros.

Conforme o projeto aprovado e licitado pela Sinfra, o novo Castelão custará cerca de R$ 24,8 milhões aos cofres do estado e terá sua capacidade de público reduzida de 72 mil para 40 mil lugares – todos com cadeiras anti-vandalismo –, tudo para atender às exigências de segurança da FIFA e da legislação brasileira. No padrão antigo, por exemplo, o espaço destinado a um torcedor era de 30 cm, agora, ele deve ser de, no mínimo, 45 cm.

“Apesar de um queda de cerca de 45% na capacidade do estádio, o que fizemos foi para atender normas de seguranças. Apesar disso, em termos percentuais a perda de espaço  será menor que em estádios como o Maracanã e o Mineirão”, destacou Max Barros.

Continue lendo aqui.


12 pensou em “Reforma do Castelão começa nesta quinta

  1. Gilberto,
    Esse valor é exorbitante para o Estado mais pobre do Brasil, que futebol temos no maranhão para justificar esse tipo de gasto público, ou, a reforma é só para realizar o jogo entre o Brasil x França.
    Agora, será se a Rosena, não prestigia as pessoas qque mais vota nela os miseráveis deste estado, só faz obra que não os favorece, será que lá do Palácio dos Leões, quando abre a janela ela não enxerga uma puta de uma PALAFITA do outro lado, será qque isso não a incomoda? Porque a mim isso me encomoda.
    E, para os 400anos São Luis, ficaria mais bonita sem aqquelas Palafitas dos outro lado da ponte. Veja, só vamos fazer um cálculo de quanto custaria a retirada daqquelas Palafitas:

    1- Terro é de graça o Estado tem mutio, R$ 0,00

    2 – Vamos chuta, existem ali empuleirados 200 famílias.

    3 – Custo de um apartamento popular: R$ 40.000,00 x 200= R$ 8.000.000,00,

    4 – Obras de infraestruturas(ruas, esgoto, aguas…0 = R$ 5.000.000,00

    5 – Total para retirar os palafitados = R$ 13.000.000,00

    6 – Propinas, por baixo, a obra sairá por= R$ 20.000.000,00

    Logo, a verba para reformar o Castelão(+/- R$ 25 milhões) dá qque sobra para retirar os Palafitados daquela área, ou não?

      • Porque vc deve ser um elitista que só pensa no prórpio nariz, e insisto, a maioria dos investimentos deste Estado está voltado para obras elitistas(Espigão, Via Expresso,…)
        .Porque não investir para em obras que favoreça a classe mais probre?
        Não vc acha que não é preciso, tem que gastar 25 miçhões em um Estadio para favorecer quem, 10% da população? Ou para atender os caprichos de uma Governadora que tem idéias magalomaniacas, sem noção e sensibilidade de saber o que é prioridade para o Estado.
        Pois, fique sabendo, os miseráveis são que estão por aí, são exatamente aqueles que estão envolvidos na maioria das criminalidades atualmente no nosso Estado. São literalmente marginalizados pela sociedade.
        Agora, isso é bobagem? Isso não o incomoda?
        Ou vc acha que tem que investir 25 milhões em um Estadio que nunca será pago, pois o que vai gastar só de energia elétrica para ligá-lo a arrecadação não vai cobrir, imagina os outros custos envolvidos, ser´´a que nem aqueles estádio que foram feito para a copa da Africa do Sul, verdadeiros elefantes brancos, a maioria está fechado, e aqui será o mesmo.
        Temos que cobrar dos nosso governantes mais eficiência nos gasto públicos, pois não se admite mais jogar dinhneheiro fora. E deixa de fazer obras pública para arrecadar dinheiro para campanha política.

        • Meu caro, esse tipo de argumento não cola mais. Devemos parar o desenvolvimento do país pq ainda tem gente passando fome? Não. Temos que manter o progresso, enquanto cuidamos da nossa gente. Essa é a estratégia correta. Sobre os palafitados, especificamente, vc sabe que eles ganharam apartamentos do Minha Casa, Minha Vida, não sabe? POisé, mts alugam seus apês e voltam a onstruir palafitas à beira do rio. Essa é a verdade nua e crua.

          • AMIGOS ISSO E OBRA FARAÔNICA, DO EX GOVERNADOR JOÃO CASTELO. RECURSOS GASTO PARA SUA CONSTRUÇÃO E REFORMAS ATÉ O DIA DE HOJE.É INCALCULÁVEL.
            IGUAL Ex. TRANSAMAZÔNICA, ESTES RECURSO PODERIA TER SIDO GASTO NA SAÚDE COM MAIS UM HOSPITAL NO LUGAR QUE ELE ESTA OCUPANDO HOJE. MAIS UMA ESCOLA, E MELHORES SALÁRIO DOS POLICIAIS, E PROFESSORES. INVESTIMENTO NO SISTEMA DE AGUA POIS TÃO CARECIDO NOS BAIRRO DE SÃO LUIS.
            OS CLUBE DE FUTEBOL QUE TEMOS EM SÃO LUIS, E UM LUXO ESTAREM JOGANDO NO NHOZINHO SANTOS POIS NEM ISSO ELES MERECEM. POIS A RECARDAÇÃO DA BILHETERIA DIA DE JOGO NÃO PAGA NEM AS DESPESAS DO ESTADIO QUAL ESTÃO USANDO.
            O QUE FOI GASTO ATÉ HOJE COM ESTE ELEFANTE BRANCO, É UMA DIVIDA QUE ESTAMOS PAGANDO COM NOSSOS IMPOSTO TALVEZ NEM OS NOSSOS BISNETO TERMINE DE PAGAR

  2. Nossa… a cada dia que passa Max me surpreende, já fico imaginando ele como prefeito… São Luis vai ser uma grande cidade…nós merecemos, obrigada MAX!!!

  3. É isso ai!!!! agora poderemos dizer que nossa cidade tem estádio, mais uma grande Obra. Max 2012 a prefeitura precisa de homens como você, que gosta de trabalhar e se preocupa.

  4. Castelo só concentrado… Esperando… o momento… da decisão-, pra vencer a disputa eleitoral em outubro de 2012.

    Marco Antonio Carvalho Diniz

Os comentários estão fechados.