Shopping da Ilha: inauguração criticada nas redes sociais

Depois que o blog publicou um post retratando a insatisfação de vários convidados do Shopping da Ilha com as condições em que o shopping estava para ser inaugurado – o que ocorreu na terça-feira (20) -, uma “trupe” de funcionários do Grupo Sá Cavalcante foi destacada para fazer comentários favoráveis ao empreendimento.

Já foram mais de 100 comentários na postagem “Convidados horrorizados com condições do Shopping da Ilha“, a maioria concordando que é um absurdo inaugurar o shopping sem condições mínimas de segurança e conforto.

Mas os funcionários do shopping não desistem: atacam o titular do blog e qualquer um que critique a postura deles nas redes sociais.

É com essas pessoas que você conviverá se decidir frequentar o shopping da SC2.

O que o pessoal do shopping ainda não entendeu é que aquilo que o blog mostrou foi o sentimento da maioria da população, que não será modificado com ataques pessoais.

_______________________Leia mais

Blog do Jorge Aragão: pressa é a inimiga da perfeição

Ao invés de tentar negar o fato de que a opinião pública está insatisfetia com a forma como as coisas foram conduzidas, o Marketing do Grupo Sá Cavalcanti deveria encarar o problem de frente, admitir o fato de que a inauguração foi açodada e trabalhar para reverter a imagem negativa conquistanto os clientes, não insultando quem, espontaneamente, emite opinião nas redes sociais.

Não há perseguição, há constatação.

O blog, então, resovleu ajudar o SC2 e apresentar um pequeno recorte do que tem sido falado do Shopping da Ilha no Facebook (garanto que nenhum desses acima e abiaxo relacioandos é funcionário pago para criticar. Levem isso em consideração).


22 pensou em “Shopping da Ilha: inauguração criticada nas redes sociais

  1. Não concordo com a turma do quanto pior, melhor nem mesmo no caso da inauguração do shopping da Ilha. Pra começar esse shopping foi um grande ganho para São Luis e o Maranhão,o que existia lá antes? uma favela cheia de marginais. Shoppings em construção existem por todo o país e nem por isso as pessoas querem que eles sejam fechados para poder reformar e ampliar. E pra finalizar ninguém é obrigado a ir , não existe lei obrigando ninguém a ir ao shopping, quem foi, foi de curioso e de livre expontânea vontade, não tem qualquer direito de reclamar. Sabia que ele teve de ser entregue às pressas e que alguma cois estaria faltando. Poeira e cheiro de tinta é normal em tudo que está em obra. Vai quem quer portanto se não gostou, devia ter ficado em casa ou ter ido aos outros shoppings da cidade. Isso parece a turma da oposição que não faz e tem raiva de quem faz. Só está faltando alguém chegar e soltar a pérola ” ESSE SHOPPING É DO SARNEY” bem ao estilo dos imbecis .

    • Adorei o seu comentário, é isso mesmo, a galera ainda não se acostumou com a mudança e vivem torcendo contra. Eta povinho, por isso que essa terra não vai pra frente.

  2. Como eu falei em comentário do post anterior relacionado a esse assunto, só os funcionários, babões, empresários etc. do shopping da ilha estão defendendo essa palhaçada!

    • pééééé!! resposta ERRADA!!

      Conversa com quem já foi, pesquisa melhor, voce consegue fazer melhor que isso vai… eu acredito!

  3. Mais um post de ares tendenciosos e dotado de qualificações. Repito meu comentário:

    Deixe-me entender melhor. Voce encara a discussao como blogueiro, jornalista ou espectador/cliente. Porque sao tres tratamentos difetentes e percebo que voce assume um posicionamento a cada hora, conforme lhe convem. Se voce quer usar a experiencia e o prestigio da sua assinatura de jornalista, deveria ter apurado melhor, alem de tomar o devido cuidado em nao ser tao tendencioso,ouvir a empresa e tambem atualizar a foto, pois esta dando noticia antiga. Como blogueiro, deveria ter pesquiaado minimamente nossa presença nas redes e com certeza encontaria as infotmaçoes. Como pessoa, tem todo o direto a insatisfaçao, mas defina um posicionamento. Nao vou cometar acerca das implicaçoes eticas da sua profissao, pois perderiamos o foco da conversa. Minha intençao aqui nao e o embate, mas seu posiconamento podenfavorecer o esclarecimento e o dialogo. Saudações

    Antes que pense que estou querendo “ensinar-te” a fazer jornalismo, como bem disse anteriormente, deixo claro que esta não é minha preocupação, mas sim esclarecer sua real personalidade nesta discussão.

    Sobre o fato de acusar o Grupo de não assumir que a obra está incompleta, esta é uma declaração construída sobre algum ponto obscuro da discussão, pois esta negação, em momento algum, foi mencionada pelo Grupo.

    Enfim, continuamos trabalhando para que o shopping esteja operando 100% o mais rápido possível. Pedimos desculpas ao povo de São Luís pelos transtornos e temos consciência de que a obra inacabada não é ideal. O desrespeito ao público jamais fez parte dos planos da Sá Cavalcante e por isso agimos com transparência e sinceridade perante todos vocês. Peço que, em caso de duvidas, críticas ou sugestões busquem a Fan Page do shopping. Todos os cometários serão respondidos e levados em consideração.

  4. Gilberto, atacar os críticos costuma ser a arma daqueles que não tem argumentos. Mas continuo achando que o pior nessa história não é a empresa abrir o shopping, e sim o poder público permitir que isso aconteça. Afinal, quem autorizou a abertura de um shopping inacabado? Deram licenças, habite-se, alvará e tudo mais?

  5. A adm do g sc quer passar a idéia de que vieram para ajudar o MA, melhorando a área baldia, o comércio local enfim. Inobistante ao fato de ser frequentador de shoppings, não se pode deixar de observar que os mesmos são magno-símbolos do capitalismo. O cúmulo desse signo do capital é a qualquer custo, tentarem evitar prejuízos e ações indenizatórias a lojistas ofertando a toda população uma obra inacabada com uma dita impressão de que aqui tudo se pode… Ledo engano. A propósito, jornalista tb é cidadão, consumidor e parte legítima para ações contra qualquer mal feito contra nossa população. Aqui deixo a dica: troque a adm do shp. da ilha e divulguem uma extensa nota com um humilde pedido de desculpas, caso contrário, o ridículo pode aumentar como vem acontecendo… Pensem nisso.

  6. [Alô Alô! Aqui quem fala é Rafael Crespo, funcionário pago e contratado pela Sá Cavalcante. (ixi, será que eu posso falar isso?)]e

    hahahahahahahaha, esse cara só pode estar de brincadeira hahahahahhaha

    A melhor foi a do ataque pessoal. Se você fizer um stand up eu prometo que eu vou assistir!!! Conta de novo? Mas faz melhor, pega os trechos aonde você recebeu ataques pessoais de algum funcionário do Grupo Sá Cavalcante e cola aqui, aí a gente pode conversar.

    Gilberto queridão, pra começar, não precisa agradecer pela bela audiência que demos ao seu blog. Está mais feliz? Quem sabe daqui a pouco não rola até colocar umas “propagandas” nos posts relacionados ao SDI? Tá bombando! Essa dica foi de graça hein! Mas acho que você já deve ter pensado algo parecido…não?

    De qualquer forma, esse seu post foi tão raso que não vale nem a pena responder… Você faz melhor que isso, né? Vamos lá homem!

    Eu poderia recortar e listar os milhares de elogios e agradecimentos que recebemos pelo shopping. Mas se eu fizesse isso eu estaria omitindo uma série de críticas e ponderações levantadas pelas pessoas. Como eu não sou que nem você, prefiro fazer diferente. Quem quiser saber por conta própria o que as pessoas estão de fato pensando do SDI, vai na nossa fan page:

    http://www.facebook.com/ShoppingdaIlha

    Ou no nosso twitter

    http://twitter.com/shoppingdailha_

    ou melhor, dá uma lida no post de um blogueiro que pelo visto é bem mais sério do que o Gilgil (posso lhe chamar assim, né? é carinhoso)

    http://colunas.imirante.com/platb/zecasoares/2011/12/22/por-que-tanta-ma-vontade-com-o-shopping-da-ilha/

    Um abraço! Aguardo ansioso pelo próximo post! Se precisar de ajuda na internet é só falar.

  7. Sr “encrespadinho”…seu texto eh bem tipico de um fedelho que ainda nao conhece nada da vida.
    Se o blog esta bombando eh porque tem muita gente de um lado agarrada aos seus empregos e, de outro, fazendo criticas pertinentes e reais.
    Os Shoppings de “sua” empresa Sao sempre esse fiasco. Claro que numa sociedade consumista e numa área carente desse tipo de comércio, acabam dando certo.
    Você gosta de fan page? Veja as criticas da inauguração do Shopping do ES

  8. O Shopping do ES tb eh da sua empresa, nao? Foi a mesma vergonha. Inauguração adiada n sei quantas vezes. Tenha cuidado sr encrespadinho (tb eh carinhoso?)…empresas serias nao agem dessa forma.
    E, sim, as redes sociais podem fazer um belo estrago nos planos de uma empresa.

    • Dona Teresinha, gostei do apelido e da injúria. Mas, com todo o respeito à vossa senhoria, o restante foi uma grande de uma bobagem. Boas festas e muitas compras!

  9. Bom, vc bem gosta de levar as situações para o lado pessoal e isso da a real noção do tipo de funcionário e da empresa a que pertence. Acompanhei desde o inicio essa discussão e o que mais impressiona eh justamente a falta de profissionalismo e o gosto pelo bate boca de vcs.
    Uma empresa que preza as redes sociais jamais se prestaria a esse papel, nem utilizaria ou autorizaria um funcionário tão grosseiro e despreparado a falar em seu nome.
    Sua defesa soa patética.
    Quanto as compras, as farei num Shopping de verdade. Pobres lojistas que terão que aguenta-los com tal irracionalidade e intempestividade.
    Tereza Scher

  10. Mais uma coisa: a sua empresa acha que eh este o perfil que deseja para seus funcionários?
    Alguém que se coloca como capacho e desrespeita os internautas?! O senhor esta autorizado a fazer isso? Por quem? Sera que Sao todos como o senhor nessa empresa? Ou nem sabem o que esta acontecendo?
    Aos leitores do blog: visitem a fan page do Shopping Mestre Álvaro no dia da inauguração ( tudo bem que mudou tres vezes) e os comentários e desculpas ( Sao as mesmas).
    Sou empresaria, detesto ver meu povo sendo tratado como gente de quinta. Aprenda a respeita-lo

  11. Teresa,

    Primeiro de tudo, a empresa não é minha.

    Segundo, acho que estamos muito mal acostumados com a linguagem institucional tradicional, com a qual os atendentes de telemarketing vem com frases prontas, duras, sem nenhuma verdade, pura versão, enganação.

    A Sá Cavalcante me orgulha diariamente por ser uma empresa que preza pela transparência e pela verdade.

    Em qual momento lhe desrespeitei? Na verdade eu só vi você me desrespeitando, mas se lhe ofendi de alguma forma, peço desculpas.

    Na verdade, eu entendo você. Não estamos acostumados a ver funcionários falando a verdade. Em todo lugar temos sempre uma divisão muito grande entre o trabalho e a vida. As pessoas se assustam ao verem uma ironia, uma piada, uma brincadeira, pois não é isso que as empresas costumam fazer, não é mesmo?

    Em nenhum momento desrespeitei ninguém. Nem neste blog, nem em lugar nenhum. Não faço isso pessoalmente, não é aqui que vou fazer. Minhas respostas, desde o início, foram em tom de brincadeira, de bom humor. Nós sempre agradecemos as críticas que recebemos, quando verdadeiras.

    O que não podemos deixar passar são críticas maliciosas, mal intencionadas,
    sem fundamentos. Críticas injustas, que desrespeitam não apenas a moral da empresa, mas a moral de todas as pessoas que estão por trás, que trabalham, acreditam e lutam pra fazer acontecer.

    Reitero o que disse. Acho SIM uma grande bobagem você falar (sem nenhuma propriedade) que os nossos shoppings são sempre um fiasco, ou que só fazem sucesso por causa da sociedade consumista e demandas de mercado. Você, que não nos conhece de fato, está ignorando todo o nosso esforço e competência, como se construir e administrar um shopping fosse algo fácil.

    Outra grande bobagem é dizer que o blog está bombando porque há pessoas agarradas em seus empregos de um lado e críticas pertinentes do outro. Ninguém foi obrigado a vir postar aqui. Ninguém. Se o fizemos, foi por nos sentir extremamente injustiçados e desrespeitados.

    Sobre as críticas pertinentes, se você acompanhasse o nosso trabalho iria ver que nunca nos esquivamos de dizer que os shoppings não iriam inaugurar 100% (tanto SDI quando SMA), dissemos desde o início que eles iriam ser melhorados a cada dia. Nós sabemos dos problemas de nossos shoppings e não apenas agradecemos as críticas, como encorajamos todos a nos criticar.

    Comemoramos muito a vitória que foi inaugurar esses 2 shoppings esse ano, mas sabemos de todos os problemas que chegam até a gente e trabalhamos incansavelmente pra resolver todos o mais rápido possível . Tanto que, se você for na página do Mestre Álvaro, vai ver que 90% dos problemas já foram solucionados.

    Você sabia, por exemplo, que nos shoppings circulam atendentes de SAC/SAL, com ipads na mão, encorajando as pessoas que passam a emitirem suas opiniões nos nossos espaços abertos, como a nossa fan page?

    Sabia que integramos o SAC e o SAL em um grupo do facebook, onde todos podem ver as críticas e os elogios (abertamente) tanto dos clientes quanto dos lojistas? 100% das empresas que eu conheço achariam isso uma grande loucura. Afinal, quem quer divulgar quais são os problemas, não é mesmo?

    Nós respondemos a todos os comentários que nos enviam. Mas, além de responder a críticas pertinentes, temos que combater boatos mentirosos do tipo “o shopping é do sarney” ou “o shopping não vai inaugurar”, entre outros.

    Teresa, nós estamos muito longe de onde gostaríamos de estar. Muito mesmo. Temos MUITO o que aprender e o que melhorar, mas o que não nos falta é vontade, honestidade e verdade.

    Tratamos a TODOS como GENTE. (não gosto da expressão “gente de quinta”, pois não acho que existe “gente de primeira”, gente é gente).

    E encorajamos a todos a nos tratarem como gente também, porque muito mais do que uma empresa, somos um time, com jogadores muito dedicados e apaixonados pelo que fazem.

    Desculpe se pareceu meio piegas, mas o espírito natalino me deixa meio sensível. =/

    Caso você queria conhecer, criticar, conhecer melhor o que fazemos, quem somos e no que acreditamos, te convido para uma conversa no skype ou mesmo uma visita. Acho que você vai se surpreender bastante.

    Boas festas

  12. A culpa não é da Sá Cavalcante, a culpa é de nossos dirigentes e órgãos fiscalizadores (ou arrecadadores?) que permitiram um absurdo desses. Infelizmente o que conta é o dinheiro, não a segurança de vidas humanas.
    NENHUM órgão fiscalizador se opôs à baixaria que é permitir que um empreendimento seja aberto ao público nestas condições.
    Sr. Crespo, o senhor fala como se o Sopping estivesse em condições de uso, o que não é verdade; é um absurdo o senhor tentar defender o que está claramente colocando em risco a saúde dos funcionários do shopping, dos lojistas e dos próprios consumidores.
    Como diria o Casoy; “É uma vergonha!!!!”

  13. Estive fora do Brasil e, ao voltar, vejo que a situação do Shopping pouco mudou.
    Gilberto, o Shopping não é do Sarney…rs…mas procure saber quem era o Presidente na época que a Sá Cavalcante adquiriu seu primeiro Shopping no RJ. E como foi feita essa aquisição…e se foi pago efetivamente…
    Tem caroço demais nesse angu…
    Até aí quem eram os Cavalcantes???
    Isso é trabalho jornalístico dos bons! Pra primeira página do O Globo…

  14. Me sinto triste sendo maranhense,e vendo esses absurdos acontecerem bem diante do meu nariz,e não poder fazer nada…A inauguração do shopping foi o que de mais nocivo vi em toda a minha vida…Lamentável o fato de como tudo aconteceu…

Os comentários estão fechados.