Simplício pode ser processado por litigância de má-fé após impugnar Edinho Lobão

simplicioO deputado federal Simplício Araújo (SDD) pode ser processado por litigância de má-fé após haver protocolado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Maranhão impugnação do registro de candidatura do senador Edison Lobão Filho (PMDB), da coligação “Pra Frente, Maranhão”.

O parlamentar, aliado de Flávio Dino (PCdoB), candidato da coligação “Todos pelo Maranhão”, quer tirar o peemedebista da disputa porque uma empresa dele tem contrato ainda em vigência com o Governo do Estado.

Segundo a Lei Complementar nº 64/1990, para ter condições de elegibilidade, os candidatos precisam haver deixado, seis meses antes das eleições, cargos ou funções de administração de empresas que mantenham contrato com o Poder Público.

Ao blog, o próprio Edinho Lobão lembrou que, para ser suplente de senador ele já havia passado por esse crivo. “Não existe o menor fundamento nisso [impugnação protocolada por Simplício Araújo]. Para ser senador eu saí formalmente da gestão de todas as minhas empresas”, declarou.

Na verdade, Simplício tentou melhorar sua imagem com a impugnação. Flagrado pelo blog mandando emendas de sua autoria para um centro de saúde de São Paulo (reveja), o aliado do comunista tenrou fazer parecer, agora, que se importa com o tratamento de câncer no Maranhão.

Errou duas vezes: primeiro porque a impugnação não tem razão de ser; segundo, porque no caso denunciado, em nota a Secretaria de Estado da Saúde (SES) já informou que o prédio alugado está em fase final de adequações para que seja instalado o Centro Ambulatorial de Atenção à Saúde do Paciente Oncológico.


13 thoughts on “Simplício pode ser processado por litigância de má-fé após impugnar Edinho Lobão

  1. Tem algo muito estranho nesta história…estou navegando por todos os blogs alinhados ao grupo sarney e paira um silêncio em relação ao assunto…ninguém esta dando um pio. Somente vc vem defendendo o candidato. Sua informação pode até está correta…mas acho que tem algo de podre nesta história. Será que estão ganhando tempo pra forjar “documentacoes” ????

  2. o bom é que tiram 30 pilas da saúde pra nada, já que o prédio não esta ocupado por quem alugou, eta vida boa dos nossos políticos e o cara ainda que ser governador, tamos lascados mesmos

  3. As vezes eu me pergunto, se no fundo da alma desses jornalistas não pesa nem um pouco a consciência. Saber que está prestando um serviço a um candidato tão danoso ao Maranhão, atacando quem de fato trabalha. E tudo isso olhando apenas para o próprio bolso. Eu sei, a subsistência é importante, precisamos sustentar nossas famílias. Mas é válido ganhar tanto dinheiro que vem diretamente da miséria de tantas outras famílias. Leda, eu ainda tenho fé de que há algo de bom nessa tua alma! Que algum dia tu vais acordar, e trabalhar não apenas pra si próprio, mas para todos! Imagina só, Simplicio destina verbas para pesquisas contra o câncer, e tu posta isso como se fosse um crime, um crime que busca o bem mundial! Mas Edinho, são tantas as manchas, são tantos os crimes de fato. Esse prédio nunca viu uma alma sequer, nem obras de adequação, nada! Se Edinho se importasse com o povo, com a fortuna que tem, ele até doaria esse prédio para o Aldenora Belo, por exemplo.

  4. Simplicio envia recursos para o combate ao câncer.
    Lobinho recebe R$ 30 mil mensais por um prédio que nunca recebeu um paciente sequer com câncer, apesar de ser esse o objetivo do contrato.

    E tu, Gilberto Leda, vem me dizer que certo ta Lobinho e o errado é Simplício?
    Tenha respeito comigo e com os demais leitores.

    Utilize esse presente que Deus lhe concedeu, esse espaço que tem no jornalismo local, e preste um serviço digno, honesto, fiel e respeitoso a população! Por favor!

  5. Esse […] era um nada até […] na saúde no governo Jackson Lago. Só virou oposição quando Ricardo Murad cortou- lhe as asas.

  6. 30 não meu caro Sousa, a soma já esta em 120 mil.
    Agora não entendi essa da litigância de má-fé, explica melhor Leda.
    Até onde sei a litigância de má-fé esta expressa no Art. 17 do CPC e se configura qd: Aquele – deduzir pretensão ou defesa contra texto expresso de lei ou fato incontroverso; alterar a verdade dos fatos; usar do processo para conseguir objetivo ilegal; opuser resistência injustificada ao andamento do processo; proceder de modo temerário em qualquer incidente ou ato do processo; provocar incidentes manifestamente infundados; interpuser recurso com intuito manifestamente protelatório.
    Onde a atitude do Simplício se encaixa em um desses casos para configurar a litigância de má-fé?

  7. Como uma pessoa pode ser tão desumana com a atitude de um deputado que destinou emenda pra um instituto de pesquisa de câncer? Pra mim essa foi uma das melhores emendas que um deputado federal maranhense já fez. Agora mais desumano ainda é o candidato Lobão Filho, desumano e sujo. Sua empresa recebe dinheiro a quatro meses pra prestar serviço a pacientes com câncer e nada de prestação de serviço pra quem necessita. Vergonhoso pro nosso estado.

  8. Flávio Dino sabe o quanto é difícil vencer Edinho! Querer ganhar a eleição por WO é prova insofismável disso.

Os comentários estão fechados.