Sem adeus

Roseana deixou ontem o Palácio dos Leões

Roseana deixou ontem o Palácio dos Leões

A ex­governadora Roseana Sarney (PMDB) mantém o posicionamento de não mais disputar cargos eletivos ­ que, aliás, havia tomado ainda em 2010, quando assumiu seu quarto mandato no Executivo estadual.

Mas também reafirmou ontem, ao deixar o Palácio dos Leões, que não abandonará a política, em hipótese alguma. Filha de político que começou cedo nos bastidores do Poder, Roseana vive o embate político quase que integralmente em sua vida.

E mesmo quando tenta manter­se distante do tema é atraída pelos chamados do seu grupo político e do seu partido. E é com a condição de principal liderança política do PMDB no Maranhão que a agora ex­governadora enfrentará os primeiros meses de uma nova realidade política no Maranhão.

Nos primeiros meses do ano, ela se manterá totalmente afastada do assunto, até para dar tempo ao desenvolvimento do futuro governo. Mas retorna ao Maranhão exatamente em meados de 2015, quando o debate sobre as eleições de 2016 já estará efervescente, sobretudo em São Luís.

As lideranças do PMDB não escondem: Roseana é o principal nome do partido, seja para uma disputa eleitoral, seja para fortalecer os nomes do partido no interior. E, sobretudo, em São Luís, cidade em que ela realizou tantas obras quanto nenhum outro prefeito conseguiu fazer nos últimos 30 anos.

É com este cacife que a ex­governadora permanecerá no que chamou de “período sabático”, aguardando um chamado partidário e de grupo para os próximos debates político­eleitorais. Por isso, a despedida de Roseana do Palácio dos Leões pode não ter significado exatamente um adeus.

Da coluna Estado Maior, de O Estado do Maranhão


2 pensou em “Sem adeus

Os comentários estão fechados.