“Erro operacional”: titular da Sejap coleciona escândalos

murilo_andradeO resgate cinematográfico de quatro perigosos detentos do CDP de Pedrinhas, em São Luís, na madrugada do domingo de Páscoa (reveja), não pode ser considerado uma novidade na vida do secretário de Estado de Justiça e Administração Penitenciária, Murilo Andrade.

Importado de Minas Gerais pelo Governo Flávio Dino (PCdoB) – após indicação do Ministério da Justiça -, o auxiliar carrega nas costas o peso de haver respondido por uma ação criminosa de grandes proporções também no sistema penitenciário de Minas.

Ele comandava, no governo de Antonio Anastasia (PSDB), a Subsecretaria de Administração Prisional , vinculada á Secretaria de Defesa Social de Minas Gerais (Seds), quando, em março do ano passado, 39 pistolas .40 e seis submetralhadoras foram roubadas da Central de Escoltas, em Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, ao lado da Penitenciária Dutra Ladeira.

O crime ocorreu na também na madrugada. Durante a troca de turno, agentes penitenciários encontraram alguns colegas dormindo e outros se sentindo mal. Ao fazerem uma verificação na sala de armas, detectaram o roubo.

A suspeita era de que alguma substância possa ter sido colocada na alimentação de rotina dos agentes. A Seds informou que a alimentação não foi produzida no presídio. Os funcionários teriam ingerido pizza e outros tipos de alimentos que eles próprios pediram para entregar na unidade.

Os nove agentes responsáveis pela segurança do turno chegaram a ser afastados.

Não há notícia de qualquer punição a Murilo Andrade.


10 pensou em ““Erro operacional”: titular da Sejap coleciona escândalos

  1. Pingback: O chefe da penitenciária de Flávio Dino e um crime inexplicável… - Imperatriz - MA

  2. Pingback: Blog do Jorge Aragão | “A realidade é muito diferente do discurso”, diz Adriano Sarney sobre Pedrinhas

  3. Esse secretario vinha pra cá na época do governo Roseana. Chegou a conversar com a ex chefe da casa civil . Ocorre que quando puxada sua ficha foi verificado envolvimento dele como serie de “coisas estranhas” e nada republicanas. Inclusive, favorecimento […] em MG. Dentre outros esquemas envolvendo a famosa penitenciara privatizada de Ribeirao das Neves em MG. Aqui , ele armou a “equipe do […]”.
    Trouxe a antiga assessora especial de Roseana Sarney para ser subsecretária na sejap. Aproveitou os serviços de um major da PM que foi trazido tambem pelo governo passado para ser o secretario adjunto de administração penitenciaria e ainda trouxe de volta um tambem ex secretario adjunto de Roseana , exonerado por empregar parentes e outros ” profissionais” , o tão famoso Frei Ribamar. Este ultimo mora em bacabal, e so trabalha de Terça a quinta. Um bom exemplo de moralidade do governo da mudança. Além de ter em seu currículo uma “boa fama” nas cidades onde morou. Que digam os cidadãos daqui da trizidela. Ja foi muito alertado. Cuidado com “homem” que veste saia!!!!

  4. Esse cabra é perigoso, porque presos do PCC foram resgatados? A pergunta que não cala. Por que estavam do lado de fora? quem os deixou? quem roubou as 39 pistolas e as 46 submetralhadoras? PCC? qual as relações desse rapaz em Minas? O governo do MA deveria investigar a fundo esse sujeito, ele me parece muito perigoso, caso tenham interesse em investigar.

Os comentários estão fechados.