Flávio Dino diz que só negocia com policiais no ano que vem

dinoO governador Flávio Dino (PCdoB) acaba de anunciar por meio de suas contas nas redes sociais que não pretende mais negociar com os policiais civis em greve qualquer nova proposta de reajuste para a categoria.

Segundo o comunista, o Governo do Estado já concedeu em 2015 “o maior aumento de remuneração do Brasil” aos policiais e, portanto, não há mais o que se discutir.

“Concedemos aos policiais o maior aumento de remuneração do Brasil neste ano. Os policiais civis tiveram reajustes de 20% a 38%”, escreveu.

Para Dino, qualquer nova conversa sobre reajuste, só em 2016 – ou ele “quebraria” o Estado.

“Já fizemos o máximo possível neste ano. Não posso e não vou ‘quebrar’ o Estado. Vamos fazer novas negociações no próximo ano”, completou.

A Polícia Civil está em greve desde o dia 3 de agosto. Investigadores, comissários e escrivães tiveram reajuste salarial de apenas 5% neste ano e nenhuma proposta para os demais anos, como ocorreu com os policiais militares – que tiveram previsão de aumento até 2018 –; e com os delegados, que tiveram um reajuste de cerca de 70% até junho de 2016.


10 pensou em “Flávio Dino diz que só negocia com policiais no ano que vem

  1. E o retoativo da ação do GNT que ele não fala? Lembraremos bastante disso no próximo pleito Sr. governador sem palavras! Execução da sentença ja!!!!!!

  2. isso serve de lição.” QUEM MANDOU VOTAR”, engraçado que a policia é a “lei” e agora? AGORA É VC É QUEM MANDA FALOU TÁ FALADO VOU COBRAR COM JUROS -JURO. POLICIA CIVIL , VAMOS A LUTA SEMPRE. ISSO PROVA QUE TUDO QUE FD PROMETEU ERA SOMENTE BALELA, COLOQUE MAIS 50 ANOS DE TORTURA E CRIMES.

  3. Como os discursos mudam rapidamente, não é mesmo? Quem te viu, que te vê… Oh! O Estado vai quebrarrrr… meeedooo… kkkk

  4. BAIXARIA E CALOTE NA SECMA KKK

    A COISA PEGOU FOGO NO REVIVER. SERÁ A MALDIÇÃO TOSCA DA BRUXA? KKKK

    Quinta-feira de pânico na casa da Mãe Joana, mais conhecida como Máquina de Lavar Dinheiro do Estado, pros íntimos gabide de emprego, para os mais próximos Salvaguarda dos Eternos Apadrinhados, pra família o Quintal da Galera do Calhau/Viva a Madre Deus. Pro povão, é Secretaria de Cultura mesmo.

    Confusão, empurra-empurra, agressões verbais e muita baixaria. Foi o que rolou solto (kkk) hoje pela manhã na Secnha, digo, Secma, a malfada e esculhambada Secretaria de Estado da Cultura do tão sofrido Macarrão, digo, Maranhão. KKKKK

    Pois é, Zezé! A Louca do Reviver tirou pra fora com malas e cuias, mas deixou a coisa bagunça, causou estrago mesmo. O negócio ficou pegando fogo e o fiofó, piscando. E não é que o novo secretário Felipe Camaroso tirou as barbas do molho salpicão e mandou suspender todos os pagamentos do São João, alegando estar tudo bagunçado e cheio de coisa erradas? Além disso, com mais de um mês de atraso, informaram que faltou dinheiro. KKKK São João fiado só mesmo na boa terrinha do Sarney. KKKK Haja calote, calote cultural. Isso não é mais cultura, é curtura. Ou melhor, cu tura…

    Rsrs Pois é, Lelé! Sobrou pro agoniado e carrancudo Paulo de Aruanda, que só faltou sair no braço com vários representantes de grupos culturais e produtores artísticos. Coisa pequena. Esse povo de gabinete é matreiro, não matraqueiro. Sabe tocar um tambor melhor que qualquer tocador, tem ginga de cintura que deixa a melhor coreira ou índia na chon, rebola mais que a menina do cacuriá e sabe fazer arte como ninguém. Afinal, com nosso dinheiro eles pintam e bordam.

    Mais de um mês de atraso, adiamento por diversas vezes, confusão de documentos atrasados e inexistentes e a indecisão de por onde sairia o dinheiro… Hoje, ufa! começou o tão aguardado pagamento do fatídico (nossa, amei!) São João 2015. Ou melhor, parte dele. Uma pequena parte, já que somente os Bois do Grupo A (como sempre) e mais alguns protegidos receberam. Aquele de sempre que tá viajando? KKK Também. A coisa tá mesmo russa pros lados de cá. Ou será turca?

    As demais categorias – bois dos grupos B e C, tambores de crioula, danças portuguesas, danças country (que horror esse nome; não era boiadeiro?), danças mirins, grupos alternativos, danças do coco, cacuriás, shows bons e ralados, som, transporte, técnicos, apoio, mídia e o que eu tenha esquecido talvez, difícil pois eu sou o cara, somente na semana que vem, sabe-se lá quando.

    Falta saber se sai pela Secretaria ou pela Federação Folclórica, lá no Parque da Vila Palmeira. Já com o famoso desconto da anuidade. Essa federação é mesmo folclórica. KKKKK Duvidazinha cruel. KKKKK rsrsr Qua´! Quá! Quá!

    Mas, a grande notícia do dia não foi isso, não. Esse foi só o aperitivo. Mesmo sendo o maior atraso de pagamento junino desde os tempos da bela Rosengana, digo, Roseana Murad, vulgo Roseana Sarney. KKK Ela, sim, sabia fazer um evento com glamour. Estilo PH! KKKK

    O negócio pegou foi quando os artistas populares discutiram de frente com Paulo de Aruanda Darth Vader, mais um órfão da Estérica que ficou não se sabe por que nem pra quê. O rapaz suava frio que só, e gaguejava mais que Nhô Bato. Foi um disse-me-disse, uma exposição insana de palavras doces e carinhosas, além de abençoadas manifestações de mútuo afeto e trocas de mútuos elogios. Filho da puta foi o que de mais leve se ouviu…

    Depois que os musculosos membros (ui!) da Força-Tarefa conhecida nacionalmente como “turma do deixa disso” separou os mais exaltados e os ânimos, apaziguados – mesmo com forte carência de chá de camomila, ou melhor, calmomila, e com o ar ainda impregnado dos incensos malignos e inhacas deixadas pela magrela insossa –, ninguém mais se entendeu e deu-se por encerrada a safadeza. Ou seja, bufunfa só semana que vem. Se sair.

    A notícia boa é que as coisas melhoraram bastante pros lados da Fonte do Ribeirão. Aguardem novidades.

    Beijos na bacuringa fedorenta.

    Inté!

    Obs.: Depois contaremos os podres do tal projeto “Mais Cultura e Turismo”, que na verdade foi realizado e pago pela Secretaria de Turismo, favorecendo os mesmos apadrinhados de sempre, e a bruxa que já se foi (ainda bem, vamos comemorar, que beleza!) acabou levando a fama.

    Moral da História: A Secma é minha, o dinheiro é seu, mas eu pago quando eu bem quiser, Mané!

  5. Esse governo realmente está igual ao passado, apenas promessas que seriamos valorizados, só deu aumento significativo a classe dos delegados (70%), enquanto que os escrivães e investigadores só receberam 5% de aumento.

  6. Esse governo realmente está igual ao passado, apenas promessas que seriamos valorizados, só deu aumento significativo a classe dos delegados (70%), enquanto que os escrivães e investigadores só receberam 5% de aumento….

  7. “Se tiver um milhão de reais esse um milhão será investido na segurança”. Discurso de FLÁVIO DINO…

Os comentários estão fechados.