UPAs suspendem atendimentos por causa de salários atrasados

Médicos sem saláriosProfissionais da área da Saúde que atuam nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de São Luís, suspenderam desde ontem o atendimento a pacientes em decorrência do atraso de quase dois meses de salários.

O pagamento deveria ter sido feito pelo Instituto Cidadania e Natureza (ICN), que acabou com o contrato rompido pelo Governo do Estado por determinação judicial, tomada no bojo da operação “Sermão aos Peixes” da Polícia Federal.

Ontem, o blog mostrou em primeira mão documento assinado pelo secretário de estado da Saúde, Marcos Pacheco, [reveja aqui] informando aos médicos que a SES não iria arcar com os débitos salariais deixados pelo ICN.

O comunicado provocou revolta na classe médica, que ameaçou, ontem mesmo, paralisar todas as atividades.

Foi o que ocorreu. As UPAs da Cidade Operária, Vinhais, Itaqui-Bacanga, Araçagi e Parque Vitória, permanecem, até o momento, sem atender pacientes.


4 pensou em “UPAs suspendem atendimentos por causa de salários atrasados

  1. Pingback: Varias Upas no Maranhão: continuam em greve. | Portal Timon FM - Quem sabe o que quer acessa !

  2. Sem entrar no mérito na forma pelas quais foram construídas, é certo que as UPAs tem prestado relevantes serviços em prol da saúde pública da capital e adjacências.

    Portanto, é conveniente e necessário que o governo do estado envide os esforços para que essas unidades de saúde continue prestando atendimento médico aos que delas necessitam.

    Vamos descer do palanque. O Estado do Maranhão precisa urgente ser bem administrado.

    A eleição acabou.

Os comentários estão fechados.