Caso Maura Jorge: deputados repudiam Flávio Dino

edilazioO deputado Edilázio Júnior (PV) repudiou o governador Flávio Dino (PCdoB) e se solidarizou a prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge, que no fim de semana foi censurada pelo comunista numa agenda oficial do Governo do Estado no município (reveja).

Para o parlamentar, a postura do governador, além de deselegante, é incompatível com o cargo que ele ocupa.

Dino bateu boca e impediu a prefeita de discursar – como exige protocolo de relação institucional neste tipo de evento -, durante o anúncio de investimentos na cidade, o que provocou mal estar e constrangimento no local.

“Não sei qual adjetivo cairia melhor ao governador: se é truculento, arrogante, deselegante, prepotente, grosseiro, descortês, autoritário, ou simplesmente mal educado. A prefeita havia sido convidada pelo cerimonial para ir a inauguração. Se ele não quisesse, que não a convidasse e não combinasse que ela iria falar. No meio do evento, no entanto, a cercearam”, disse.

Edilázio disse ter conversado com prefeita por telefone. Na oportunidade, ela afirmou que iria apenas dar as boas vindas ao governador no município e saudar a população que estava presente.

Edilázio externou solidariedade a prefeita. “Quero deixar aqui a minha solidariedade a essa mulher trabalhadora, que em aceitação naquela região pelo grande serviço prestado e que queria apenas dar as boas-vindas ao governador à sua cidade, onde ela é autoridade maior”, finalizou.

adrianoMais manifestações

Para o deputado Adriano Sarney (PV) a atitude do governador foi “antirrepublicana”. “Se um governador, que é chefe do Governo do Estado, vai a uma Prefeitura e não permite que a chefe do governo municipal fale, é grave, é sério, é antirrepublicano, é antidemocrático, não convém”, disse.

Para Andrea Murad (PMDB), Flávio Dino foi “descortês” e “mal educado”.

“O assunto do final de semana e que impressionou a todos foi a postura deselegante do Governador Flávio Dino com a prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge. E eu fico me perguntando como pode um Governador ser tão descortês? Ser tão mal educado? Para não falar nas suas características principais que são a arrogância, a prepotência, se achando o dono do mundo. Flávio Dino realmente é uma pessoa completamente desequilibrada e você olha muito facilmente naquela postura dele ditatorial, de ódio”, completou.


11 pensou em “Caso Maura Jorge: deputados repudiam Flávio Dino

  1. Assunto para os Constitucionalistas.Cerceamento de livre expressão,não há hierarquia entre o governador e a Prefeita(só se for submissão),a Constituição de 88,tem muito do Direito Romano e,o município é a CÉLULA” da União.No regime republicano,o(a) Prefeito(a) é a autoridade máxima do município.Que o ato foi inconstitucional…FOI! P.S.Tenho até um parecer do decano Min.Celso de Melo(STF)sobre o assunto.Mas,abro o debate aos especialistas.No Maranhão,tudo pode (sic).

  2. Esse governador é um desequilibrado, está acabando ainda mais com nosso estado. Se dizia tanto dono da moral e dos bons costumes, ta conseguido fazer pior que o governo passado.

  3. Os funcionários de Tuntum, ficaram mas uma vez sem receber
    Publicado em 1 Dezembro, 2015 por REMÍ JUNIOR
    festa2Cleomar Tema e sua Esposa brindando o sucesso de seu (des) governo

    Que o trabalhador é digno do seu trabalho, todo mundo sabe. Contudo, não tem sido este o lema seguido pela prefeitura de Tuntum. Ora, há 5 meses parte dos funcionários da prefeitura não veem a “cor” dos seus salários.

    Dos 650 funcionários da administração do município, (aproximadamente) apenas 60 que são os concursados recebem em dias, os demais, que são contratados estão amargando a dura realidade de trabalhar sem receber. Pessoas de bem, que exercem função nas seguintes secretarias: Administração, Agricultura, Assuntos Políticos, Assistência Social, Cidades, Cultura, Finanças, Gab. Do Prefeito, Meio Ambiente e Procuradoria estão com 5 meses em atrasos…..

    A secretaria de Educação os 40% que são destinados para agente Administrativo, Merendeiras, Porteiros, Zeladoras estão atrasados 3 meses.

    É inadmissível que o poder público, seja em qual esfera ou município for, trate desta forma o povo que o serve…….
    Exclusivo: só nos primeiros 10(dez) meses do ano, Tuntum/MA, recebeu de transferências FUNDEB, FPM, FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE E ICMS, R$ 48.439.962,87-Milhões, média de R$ 4.843.996,29 por mês.

    O município de Tuntum/MA, localizado na Região Central do Estado do Maranhão, distante 360 Km da capital São Luis, com uma população de 40.844 habitantes, recebeu só de transferências de 4(quatro) receitas: FUNDEB, FPM, FUNDAÇÃO NACIONAL DE SAÚDE E ICMS, em apenas 10(dez) meses, a quantia de 48.439.962,87- Milhões, uma média de 4.843.996,29 sem contar que o município ainda dispõe de outras receitas: ISS, IPTU, ITBI, ITR, IMPOSTO DOS COMBUSTÍVEIS, IPI DOS CARROS, IPVA, TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA e tantos outros impostos. Portanto, ninguém se iluda, o nosso município, recebe um pouco mais de 5.000.000,00 (cinco milhões de reais) mensais. Então parem de chorar e vamos fiscalizar e apurar, para onde está indo essa montanha de dinheiro?
    FUNDEB R$ 23.153.399,25
    FPM R$ 12.105.345,51
    FUNDAÇÃO N. DE SAÚDE R$ 10.799.890,97
    ICMS R$ 2.381.327,14

    TOTAL R$ 48.439.962,87- Milhõessss…..
    DEPUTADOS FISCALIZAM ESSA CIDADE, O POVO PASSANDO FOME, FALEM NA TRIBUNA DA ASSEMBLÉIA EM DEFESA DA POPULAÇÃO.

  4. Esses vassalos de Sarney não podiam agir diferente. Afinal essa prefeita gorducha está rechonchuda so de mamar nas tetas da sarneyzada

      • Feito você de Sarney GL, tem saudade dos banquetes na casa de veraneio? E esses dois deputados fanfarrão aí? Ei Edilázio, cuidado….Essas bochechas vão te matar, ta doendo não ter a “boquinha” do governo? Adriano Sarney, quem é mesmo?

  5. Mauro, Flávio Dino apanha na mão desses “bobinhos” o tempo todo, imagine se não fossem?! Acorda, bobão é o teu governador.

Os comentários estão fechados.