Escutec mostra virada de Eduardo Braide sobre Edivaldo Júnior

De O Estadoeduardo_edivaldo

A primeira pesquisa Escutec/O Estado de intenções de voto realizada no 2º turno da eleição em São Luís aponta para uma virada do candidato do PMN, deputado estadual Eduardo Braide, sobre o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), candidato à reeleição pela coligação “Pra seguir em frente”.

Depois de terminar o 1º turno com 21,34% dos votos válidos e surpreender ao ultrapassar apenas na reta final de campanha o candidato do PP, também deputado estadual Wellington do Curso, Braide mantém a curva de crescimento.

Ele já aparece com 44,27% das intenções de voto. Edivaldo Júnior, por outro lado, mantém percentual parecido do recebido no dia 2 de outubro, com 40,09%.

Dos entrevistados, 6,64% declararam não votar em nenhum deles e outros 9% não responderam ou ainda não sabem em quem votar no dia 30.

Se considerados apenas os chamados votos válidos – excluídos os eleitores que dizem não saber, que não responderam ou que não votam em nenhum dos postulantes ao cargo de prefeito –, o candidato do PMN tem crescimento de mais de 30 pontos percentuais e, se a eleição fosse hoje, teria 52,48%. Já o pedetista tem 47,52% – eram 45,66% no 1º turno.

escutec

A pesquisa Escutec, contratada pelo jornal O Estado, foi registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo MA-03647/2016 e ouviu 1.100 eleitores ludovicenses, nos dias 10 e 11 de outubro. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais, ou para menos – o que ainda leva os dois oponentes a uma situação de empate técnico -, e o intervalo de confiança é de 95%.

Rejeição

O instituto Escutec também apurou a rejeição dos dois candidatos na disputa pela Prefeitura de São Luís.

Segundo os dados do levantamento, o mais rejeitado é o prefeito Edivaldo Holanda Júnior: 36,27% dos eleitores entrevistados declararam não votar no candidato pedetista de jeito nenhum – o percentual é parecido com o pico de rejeição do atual prefeito no 1º turno, quando ainda havia nove candidatos na disputa.  Já o candidato do PMN é rejeitado por 29,64%.

Eleitores que disseram não rejeitar nenhum deles somaram 4,55% e, ainda, 29,55% não sabem se rejeitam algum deles.

Grande maioria do eleitorado já definiu voto

Um dos aspectos levantados na pesquisa Escutec/O Estado diz respeito ao percentual de eleitores que já definiram seu voto, sem possibilidade de mudança.

Segundo a pesquisa, a grande maioria dos ludovicenses já decidiu em quem votar no 2º turno da eleição para prefeito da capital, e não admite trocar de candidato.

Os que se consideram “definidos” são nada menos que 83,09% dos 1.100 eleitores entrevistados. De outro lado, 10,09% ainda admitem mudança no voto até o dia 30 de outubro. Outros 6,82% disseram não saber ou não responderam ao questionário.

Nesse caso, admitindo-se os números da consulta, Eduardo Braide e Edivaldo Holanda Júnior teriam apenas 16,91% do eleitorado de São Luís abertos à possibilidade de votar em um candidato diferente do escolhido no momento atual da disputa.


39 pensou em “Escutec mostra virada de Eduardo Braide sobre Edivaldo Júnior

  1. Boa notícia. Sinal que o eleitor está de olho nas mentiras de EdiVala e não deixará ser enganado pelo candidato do Governador Flávio Dino. Fico feliz. Quem sabe agora São Luis consiga sair do buraco e em 2018 a gente volta e dá cabo desse governador bucbudo que só olha pro seu próprio umbigo e de seus aliados, deixando um exército de funcionários públicos sem suas perdas salariais e direitos, sendo massacrados por esse governo de faz de conta. Assim espero!

    • rapaz, o instituto passou o primeiro turno todinho mostrando o crescimento de Edivaldo… não teve esse choro… agora é um mimimi tremendo… vejamos o que vcs dirão se Edivaldo conseguir tirar a vantagem e depois aparecer na frente

  2. Gilberto
    No início da campanha disse que a prefeita eleita de São Paulo na ocasião a deputada erudina ganhou a eleição quando tinha 3% de intenção de votos coloquei o Fábio que poderia ser este fenômeno.não foi então apareceu para supresa de muito o.Eduardo isto é a prova que eleição se ganha não na pesquisas mais no trabalho e coerência de levar uma campanha com inteligência
    Um abraço

    • Gilberto
      Estou aguardando seus comentarista a respeito verdade ou mentira que coloquei isso no seu blogue ?a sua resposta foi que não existia essa hipótese
      Um.abraço

  3. As pesquisas da escutec e do ibope estão direcionadas para favorecer o candidato do grupo Sarney. Em suma, essa pesquisa faz parte das velhas táticas da oligarquia que mandou 50 anos no Maranhão e quer voltar a dominar os cofres públicos de qualquer jeito, e a Prefeitura de São Luís é o alvo principal para servir de fonte de financiamento da campanha para Roseana em 2018. Quem viver verá

  4. RAPAZ, DEPOIS DESSA, O ESTOQUE DE IMOSEC EM SÃO LUIS SE ESGOTOU HJ. ….KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK O CARINHA DO MARRAPÁ ENTÃO….

  5. Estava presenciando a campanha de Eduardo Braide aqui no São Cristóvão e vi que o povo está apostando em um novo momento. E democracia é isso: alternância de poder.

  6. Lembrando que esse escutec foi o que mais se aproximou do percentual de Edivaldo no primeiro turno, claro que Braide ninguém acertou kkkkkkkk

    #33DAVIRADA
    #TODOSCONTRAEDIVALDO
    #BRAIDEPREFEITO

  7. Só não vale a pesquisa da dataM de Machadinho, esse é comprado por Edivaldo. São Luís acordou, Ed-H já teve a sua vez, nós estamos reprovando a sua administração, basta, não queremos prefeito que lambuze a cidade de asfalto na véspera de eleição. Todos vamos de 33. É 33 ………………….. Se Deus quiser.

  8. São Luís está dividida, nos bairros carentes e que tiveram melhorias estão com Edivaldo, nas areas nobres estão com Braide. Escutec andou apenas na area nobre e lembrando do pai dele que é um dos sócios!!

  9. Teve um mandato pra conquistar o respeito do povo. Não deu conta do recado! Agora, dê lugar pra outro. Prefeito não é cargo efetivo e sim eletivo. Um dia agente acerta!!!!!

  10. Não votarei em nenhum dos dois, mais essa pesquisa esta fraudada, ainda mais sabendo quem é o dono do instituto MENTIREC dia 30 saberemos quem esta mentindo.

  11. Escutec que teve um dos donos envolvidos no escandalo de Anajatuba, sem falar q o mesmo foi preso e passou uns meses em Pedrinhas.

  12. Este blog de imparcial não tem nada, mais um blog sujo pago por politico. que ridiculo, e n voltei em nenhum dos dois também, ante q diga q eu t defendendo alguém. Blog sujo é tudo igual

  13. Os números dessa Escutec são mágicos. Eduardo Braide saltou de 21,34% do primeiro para 44,24 dez dias depois, mais que o dobro. Foi como se tivesse levado todos os votos dados para Wellington, inclusive o meu e de todos meus familiares, que não são poucos, e até os de minha mulher, que são numerosos, e já decidiram votar no 12

    Para a Escutec, o prefeito Edivaldo Holanda, que chegou no primeiro turno com 45,66% dos votos, caiu dez dias depois para 40,09%. Ou seja, esses votos do prefeito migraram para Braide. Há algo de estranho no ar que não é urubu e nem avião de carreira.

    Sem contar que 6,64% declararam votam em nenhum dos dois e outros 9% não opinaram.

    Até o editor de política do jornal O Estado do Maranhão, jornalista Marcos Deca, e o repórter de política do mesmo matutino, jornalista Gilberto Leda, durante avaliação dos números da Escutec, se mostraram surpresos. Os donos do jornal, família Sarney, apoiam Eduardo Braide.

    • “Foi como se tivesse levado todos os votos dados para Wellington”

      78% pra ser mais exato. Detalhes amanhã cedo aqui mesmo no blog

  14. Já que o Lima falou que está diarreico em razão do resultado da pesquisa MENTIROSA, imagina quando sair o resultado dia 30…..diarreia com suor frio desidrata!!!! te cuida mano porque esta Braide não toma de EDIVALDO e você pode adoecer que a taca vai ser GRANDE!!!… mas o teu candidato está se preparando pra próxima…ELE É NOVO E pode esperar….esta campanha serve de consolo pra vc…É UM BOM ESTÁGIO ..o duvidoso e incerto tras muita decepção.

  15. Será em votos válidos 56% para o Braide e 44% para o Edivaldo. Vai acontecer com Edivaldo o mesmo que ocorreu com Castelo após a primeira pesquisa do segundo turno com vários pulando do barco. A tendência é com os debates o Braide conseguir alguns votinhos ainda mais. O prefeito gastou toda munição no primeiro turno e gerou um efeito boomerang. Agora competir contra um candidato em curva ascendente e o prefeito tendo mais de 30% de rejeição é complicado. Sem contar que a máquina do estado parece ter subido em cima do muro. A eleição ainda não está definida, mas o cenário não é promissor para o prefeito.

  16. É mimi pra cá, é mimi pra lá. É tanto mimi, que é Braide, quem vai ganhar. Tem uma secretária que convocou os contratados para uma reunião, com o objetivo de coagi-los a votar no 12. A maioria vai concordar, mas vai votar no 33.

Os comentários estão fechados.