Governo detona instituto por queda do PIB… mas admite queda do PIB

(Foto: Biné Morais/O Estado)

O governo Flávio Dino (PCdoB) não logrou muito êxito na tentativa de contestar os dados da Tendências Consultoria Integrada – divulgado em O Globo -, que apontam para uma queda de 6,9% dos Produto Interno Bruto do Maranhão (PIB) em 2016.

O próprio comunista e seus asseclas fizeram de tudo: desqualificaram o instituto, culparam Sarney – a quem nomearam novo proprietário de O Globo (reveja) -, e atacaram a imprensa que divulgou o fato.

Segundo eles, não existe dado oficial que aponte para essa queda do PIB.

Ocorre que o mesmo governo que contesta os números sem base alguma emitiu uma nota oficial sobre o caso.

E o que diz o comunicado governamental?

Que a uma estimativa do Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc) “aponta para decréscimo de no máximo 4,8% em 2016”.

Ou seja: é absolutamente verdadeira a notícia de que o PIB do Maranhão caiu pelo 2º ano consecutivo na gestão Flávio Dino.


11 pensou em “Governo detona instituto por queda do PIB… mas admite queda do PIB

  1. TENDENCIAS…? TENDENCIA NÃO, É TENDENCIOSO ESSE TAL INSTITUTO DO EX-MINISTRO DO SEU CHEFE SARNEY! PARA QUE ALGUÉM ACREDITE NAS TOLICES PUBLICADAS PELA MÍDIA OLIGÁRQUICA , FALTA-LHE O BÁSICO: CREDIBILIDADE, CREDIBILIDADE,CREDIBILIDADE….

  2. Sim, Leda, mas a notícia foi dada na imprensa maranhense – em particular pelo jornal O Estado, como sendo número oficial. Você mesmo aqui escreveu que:

    “Reportagem do jornal O Globo divulgada nesta segunda-feira (6) mostra que o Produto Interno Bruto (PIB) do Maranhão caiu pelo segundo ano consecutivo na gestão Flávio Dino (PCdoB). Segundo a publicação, depois de um contração de 3,3% em 2015, o PIB maranhense despencou em 2016, retraindo-se 6,9%.”

    A questão é que há desafagem de pelo menos dois anos sobre o desempenho do PIB de estados. O IBGE divulga o de 2015, por exemplo, só no final de 2017. O que essas consultorias fazem são uma ESTIMATIVA com base em dados do mercado de trabalho, balança comercial, vendas no comércio, produção agrícola, etc.

    Sim, é verdadeira a notícia que o PIB estadual caiu pelo segundo ano consecutivo – isso não é segredo para ninguém e não está sendo negado – mas não é verdadeira a notícia que despencou 6,9%.

    • O jornal diz claramente que a informação é de O Globo e ainda cita a fonte zero.

      O segundo parágrafo da matéria diz:

      “Os dados são de um estudo da Tendências Consultoria Integrada, com projeções assinadas pelo economista Adriano Pitoli. O estudo aponta a recessão como principal causa do tombo na economia do Maranhão e de outros 12 estados”.

      Me diga agora onde há qualquer sugestão de que isso seja um dado do IBGE?

  3. Os maranhenses estão empobrecidos, a citar categorias como as dos professores, policiais, servidores do judiciário (excetuando-se, claro, juízes e desembargadores, obviamente). Enfim… Se o funcionalismo está empobrecendo, o dinheiro não circula no comércio e a situação se agrava com os constantes aumentos de impostos. De fato, uma política econômica bem equivocada desse governo comunista. Saber dividir o pão é fundamental para qualquer governo. Volta branca.

Os comentários estão fechados.