Irmão de Flávio Dino pede cassação da chapa Dilma-Temer

(Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O vice-procurador-geral eleitoral, Nicolao Dino – irmão do governador do Maranhão, Flávio Dino, solicitou a cassação da chapa Dilma-Temer, em 2014. O procurador passa a defender que Temer seja afastado do cargo de presidente e Dilma se torne inelegível por oito anos, conforme legislação vigente.

O parecer de Dino vem após a interrupção do julgamento da cassação da chapa no TSE. A suspensão ocorreu após o ministro, Herman Benjamin, ter acatado a inclusão dos depoimentos dos marqueteiros João Santana e Mônica Moura e do ex-ministro Guido Mantega. O tema deverá voltar à pauta do tribunal até o próximo mês.

O parecer de Nicolao favorável à inclusão de Temer no pedido de cassação é uma clara mudança de postura do irmão do governador do estado. Ele, não muito tempo atrás (relembre aqui) dizia que “não havia elementos nos autos que liguem” o presidente “aos fatos narrados pelos executivos da Odebrecht, referentes ao financiamento ilícito da campanha”.

Além de isentar Temer, à época, de qualquer acusação, Nicolao foi mais além e declarou que “ainda não havia encontrado quaisquer indícios de que Temer tenha tido conhecimento da prática de qualquer ilicitude”.

Das duas, uma. Ou Temer é um vice decorativo e “injustiçado” por membros da corte eleitoral, ou ele “quase enganou” a todos.

Em tempo: o que será que aconteceu para o irmão de Dino mudar de opinião?

 


4 pensou em “Irmão de Flávio Dino pede cassação da chapa Dilma-Temer

  1. A esquerda se movimentando para garantir a voltar ao planalto nas próximas eleições, e assim poder concluir seu plano maligno de transformar o país numa República bolivariana,;a Venezuela é um espelho para quem quiser se mirar, qd tiveram a oportunidade disseram não a oposição com Leopoldo Lopes,;agora estão em desgraça com o presidente autoritário que Deus nos livre dessa praga chamada esquerda, socialismo e o famigerado comunismo.

  2. Leia o texto que você mesmo publicou e colocou o link aí da época do primeiro parecer. Nicolao “conclui o parecer pedindo a cassação dos diplomas de Dilma e Temer. À petista, sugere ainda a pena de inelegibilidade por oito anos”. Ou seja, diz a mesma coisa. Cai a chapa toda, mas Dilma fica sem direitos políticos. Fez mudanças insignificantes no parecer.

  3. Impressionante, a falta de decoro, e dignidade, desse “procurador”!
    Faz política partidária, escancaradamente!

Os comentários estão fechados.