Flávio Dino: “Não tem um centavo na conta”

Ainda sobre o debate em relação à situação fiscal do Maranhão, o governador Flávio Dino (PCdoB) deu outra declaração em Caxias que reforça a sua intenção de promover o discurso de “terra arrasada” (saiba mais).

Ao prefeito Fábio Gentil (PRB) e vereadores da cidade, ele disse que “não tem um centavo na conta”.

E ainda brincou: “O que a gente tem é muita fé”.

“Na verdade a gente, hoje, não tem um centavo na conta. O que a gente tem é muita fé. O meu slogan lá para a secretária de Planejamento é ‘Deus proverá’. Quando ela pergunta: ‘governador, de onde vai sair o dinheiro?’. Eu digo: ‘Deus proverá, fica tranqüila’. A gente não tem realmente sobra de recursos”, disse.

Ninguém riu.

__________________Enquanto isso…
Andrea: governo paga R$ 990 mil de aluguel por clínica que não funciona


8 pensou em “Flávio Dino: “Não tem um centavo na conta”

  1. “Deus proverá” é o mesmo que “vem aí mais aumento de impostos?”. E esse ateu ainda mete o nome de Deus nas incompetências dele. Vai sobrar para nós, contribuintes, como sempre, para bancar o tanto de apaniguados que ele pôs nas secretarias.

  2. Um governo perdulário e incompetente. Quem nunca comeu mel quando come se lambuza, os comunistas entraram no governo muito empolgados com um grande orçamento pra trabalhar. Só que gestão pública é coisa pra profissional. A secretaria de Planejamento é fraca e não tem voz ativa perante a sanha gastadora dos comunas, amadores em finanças públicas. Quebraram o Estado. Agora Inês é morta!

  3. Imagino essa fala de Dino em Caxias. Igual a que ele fez com os prefeitos recentemente na Fiema. Ele tenta justificar o que ninguém aceita. Falta ele pedir pra cagar e sair. E dizer com humildade: – Eu fui incompetente, imaginava uma coisa e a coisa é outra…

  4. A farra está escancarada. Até faxineiro do PDT hoje é funcionário do Estado ou Prefeitura. Conheço uns que vivem ostentando viagens em barreirinhas, jet ski, fazenda, churrasco, até tratamento de pele com pepino, kkkk…e o discurso é q não tem dinheiro, pra justificar alguma safadeza num futuro próximo. Fico imaginando, se os pequenos estão nessa ostentação toda, que dirá os grandes.

Os comentários estão fechados.