Para Emir Sader, candidatura de Flávio Dino agora “é fuga para frente”

O sociólogo e cientista político brasileiro Emir Sader escreveu um artigo no Brasil 247 em que avalia as recém-lançadas pré-candidaturas a presidente de Ciro Gomes (PDT) e do governador do Maranhão, Flávio Dino.

O cearense segue marchando com o PDT depois da derrota em 2018. O maranhense oficializou sua pretensão em evento do PCdoB, na semana passada (reveja).

Para Sader, antecipar o debate eleitoral de 2022 em mais de três anos “é fugir para frente, deixando de enfrentar os difíceis desafios que tem pela frente”.

“No momento em que o povo, a democracia, o país, são vítimas de brutais ataques, em que se necessita mais do que nunca uma férrea e ampla unidade de forças para resistir e superar essa situação, que requer concentração de forças nessa parada, qualquer movimento que enfraquece essa frente, que divida nossas forças, que desvie as atenções e as energias, não somente não é positivo, como é negativo”, opinou.

Leia aqui a íntegra do artigo.


3 pensou em “Para Emir Sader, candidatura de Flávio Dino agora “é fuga para frente”

  1. Entende-se por “…povo, a democracia, o país, são vítimas…” os esquerdopatas que destruíram o país e agora foram alijados de suas mamatas. O resto dos brasileiros continuam da mesma forma que eram antes. E para o portal 247 está criticando dinoquio, e porque a coisa está feia, filme queimadao.

  2. no brasil temos de criar uma lei de que se um politico for eleito ele tem que horrar aquele mandato como e que ele ainda nem terminou um ja esta de olho em outro essa cambada de flavio dino eles nao querem trabalhar e sim posiçoes

Os comentários estão fechados.