QUE VERGONHA! Procuradores trocam tapas na PGJ-MA

Bents (esq.) e Nonato (dir.): agressões na PGJ

Os procuradores de Justiça do Maranhão José Antonio Oliveira Bents e Raimundo Nonato de Carvalho protagonizaram um lamentável arranca-rabo, nesta terça-feira (26), na sede da Procuradoria Geral de Justiça do Maranhão (PGJ-MA).

Os dois estavam em um gabinete, reunidos com outros procuradores debatendo a aplicação de uma lei, quando o que era uma discussão virou troca de ofensas.

Os dois exaltaram-se.

Raimundo Nonato então, segundo testemunhas, levantou-se e deu um tapa em Bents, que revidou com um soco.

Nonato caiu no chão e, depois disso, descontrolou-se, ainda de acordo com os relatos de quem viu a cena.

Bents precisou trancar-se em seu próprio gabinete. Até a segurança institucional foi chamada para conter os dois procuradores. Só depois de muita luta, a turma do “deixa disso” conseguiu acalmar os ânimos.

A preocupação agora é quanto ao trabalho no local nos próximos dias.

Explica-se: os gabinetes de Bents e Raimundo Nonato ficam lado a lado.

Outro lado

O Blog do Gilberto Léda já entrou em contato com os dois procuradores, além do procurador-geral de Justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, e aguarda retorno sobre o episódio.


5 thoughts on “QUE VERGONHA! Procuradores trocam tapas na PGJ-MA

  1. Depois que esse […] do Flavio Dino assumiu […], aquilo virou literalmente de cabeça pra baixo, não tem compostura, é um mero fantoche a procura de […].

  2. Briga no judiciário, isso é brincadeira dos amofadinhas intelectualizados, par chamar atenção da mídia e da população para dizer que estão fazendo alguma coisa , isso é vergonhoso.

  3. Demissão por justa causa na hora para esses 02 imbecis. Se bem que, no caso o Raimundo Nonato de Carvalho deu início a essa baixaria, ao agredir o outro com um tapa; resultado: levou um “bogue” bem no meio da cara.
    Mas independentemente de quem deu início, a punição tem que ser a demissão. Mas como estamos no Maranhão, ficará apenas por isso. No máximo uma advertência para os “02 lutadores”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *