Precatórios: no STF, Dino quer linha de crédito já negada à Bahia

O governo Flávio Dino (PCdoB) espera do Supremo Tribunal Federal (STF) uma decisão obrigando a União a viabilização de linha de crédito para a contração de empréstimo de R$ 623 milhões pelo Estado do Maranhão.

O valor, já autorizado pela Assembleia, deveria ser utilizado para pagamento de precatórios.

Ocorre que o Estado da Bahia já fez um pedido igual (saiba mais), e o ministro Luís Roberto Barroso, do mesmo STF, negou liminar.

O relator do caso maranhense, um mandado de segurança, é o ministro Marco Aurélio Mello.


2 pensou em “Precatórios: no STF, Dino quer linha de crédito já negada à Bahia

  1. Deve estar muito desesperado! Mas a decisão que ele pede é liminar e caiu logo para o criativo ministro Marco Aurélio Melo! Vamos ver se desta feita o intrépido advogado Willer Tomaz vai “trabalhar bem” em Brasília. Rsrs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *