Bardal e Ney Anderson depõem à CGJ sobre denúncias contra juízes

Os delegados da Polícia Civil do Maranhão Tiago Bardal e Ney Anderson Gaspar, autores de denúncias de grampos ilegais contra o secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, devem ser ouvidos nesta segunda-feira (17) na Corregedoria-Geral de Justiça do Maranhão.

O depoimento deles foi marcado em maio pelo corregedor-geral, desembargador Marcelo Carvalho, que decidiu também convocar o próprio titular da SSP a prestar depoimento a Justiça sobre as denúncias feitas pelo delegado Ney Anderson de que o chefe da SSP teria chamado juízes da primeira instância de bandidos.

Portela tem sido acusado pelos delegados, também, de espionagem de desembargadores e políticos maranhenses.  Ele nega. “Não apontaram nenhum ato praticado por mim”, disse o secretário ao Blog do Gilberto Léda, no início da semana passada.

O caso também já chegou à Câmara dos Deputados.


2 pensou em “Bardal e Ney Anderson depõem à CGJ sobre denúncias contra juízes

  1. Dois homens sérios…
    Dois cidadãos
    Merecem toda credibilidade que o blog dar a eles, afinal de contas as acusações sao contra um membro do governo Dino.

    Nai interessa a ficha criminal deles né Gilberto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *