Com tempo para analisar Bolsonaro, Dino diz não ter tempo para denúncia sobre hospitais fechados

O governador Flávio Dino (PCdoB) mostrou-se incomodado, hoje (29), durante coletiva à imprensa, ao ser questionado sobre denúncias do senador Roberto Rocha (PSDB) a respeito de hospitais que estão prontos, mas seguem fechados no interior do Maranhão.

No mais recente caso revelado pelo tucano, Dino aparece em vídeo de 2017 prometendo a inauguração de uma unidade de saúde em São Mateus para 2018 (reveja).

Questionado sobre esse assunto nesta sexta-feira, ele desdenhou do ex-aliado, e disse não ter tempo para “acompanhar essas supostas denúncias” porque tem “muito trabalho a fazer à frente da gestão.

“Eu não costumo acompanhar essas supostas denúncias, eu realmente tenho muito trabalho a fazer, e muitos resultados. Então eu não perco tempo com certas atitudes que pouco constroem, e quem têm outros objetivos, de não colaborar com a saúde do povo do Maranhão. Eu não sei exatamente que denúncias são essas, ele [Roberto Rocha] ou qualquer um outro que formule perante o Ministério Público, tribunais, apresente que nós vamos prestar os esclarecimentos necessários. Todas as obras estão em andamento e algumas são concluídas mais rapidamente e outras não. A obra de Viana está em fase final, teria que examinar Carolina, São Mateus. É muito simples não fazer nada e ficar apenas vivendo de supostas denúncias“, declarou.

Curioso que o mesmo Dino que não tem tempo para acompanhar tão grave denúncia contra seu governo, o tenha de sobra para ser analista político do governo Jair Bolsonaro (sem partido) – leia mais.

Questão de prioridade…


9 pensou em “Com tempo para analisar Bolsonaro, Dino diz não ter tempo para denúncia sobre hospitais fechados

  1. Pessoal, Flávio Dino é irmão siamês de Jair Messias. O governador do Maranhão é um grande espertalhão que deita e rola sobre os maranhenses. Perseguidor, mão de ferro, centralizador, enganador, não tem oposição e domina uma assembleia de cócoras para ele o tempo todo. Vivemos isso há seis anos. E o pior. Vivemos a expectativa te possivelmente ter um Weverton Rocha como governante desse pobre estado. Amigos, o Maranhão sofre duplamente!

    • Weverton Costa Rodrigues só tira esta mandato de senador, tenha ciência disso. O governador natural é que é o sucessor do comunista Dino.

    • A administração de Roseana deixou 6 UPAs em São Luis, 1 em Imperatriz, 1 em Coroatá, 1 em Codó, 1 em Timon, e 1 em São João dos Patos, todas funcionando: 6 hospitais macrorregionais e outros hospitais, se estivessem funcionando não estaríamos vivendo essa loucura

  2. Dino só tem tempo para criticar o Presidente da República e dar entrevistas encomendadas aos veículos de comunicação sulista, tentando forçar um debate acerca das eleições de 2022. Para esses temas tem dedicação exclusiva e tempo integral.
    Contudo, nunca tem tempo para administrar o Maranhão, ser transparente e prestar contas ao cidadão pagador de impostos.
    Não tendo como contra argumentar com fatos as crítica a seu governo, alega falta de tempo e ataca seus críticos, chamando-os de desocupados.
    Estamos em ano eleitoral, o povo do Maranhão saberá dar a resposta adequada ao mau administrador Dino e aos candidatos por ele indicados ou apoiados. Um não rotundo.

  3. Pingback: Rocha reage após Dino desdenhar de denúncia de hospitais fechados - Gilberto Léda

  4. Pingback: Após denúncia de Roberto Rocha, governo deve montar UTI em Carutapera - Gilberto Léda

Os comentários estão fechados.