Flávio Dino comenta pagodão da Península: ‘Não pode’

O governador do Maranhão, Flávio Dino, comentou hoje,.durante entrevista coletiva, o pagodão da Península, roda de samba que aglomerou centenas de pessoas e foi o estopim para toda uma crise que se desenrolou no local.

Segundo ele,.o governo não é contra o empreendedorismo, mas as regras devem ser respeitadas, sobretudo num momento de pandemia.

“A interdição foi feita porque houve um festa, com centenas e milhares de pessoas e isso não pode. A Vigilância Sanitária foi lá e tomou a providência”, afirmou.


2 pensou em “Flávio Dino comenta pagodão da Península: ‘Não pode’

  1. Gente, o pagode já foi no final da tarde e começo da noite, e a Ponta d’Areia (península) dos senhores empresários, políticos e dos ricos, que até consumação cobram, estava cheíssima desde às 13 horas, com muita aglomeração.
    Acho que devem parar tanto na areia como nos luxuosos restaurantes e bares porque lá também esta congestionado demais.

  2. Esse já não pegava votos de motoristas biriteiros, boieiros, foliões, baladeiros, puteiros, futebolistas…… e agora de pagodeiros!! Kkkkkkkk

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *