Wellington do Curso aderiu ao Palácio dos Leões?

A decisão do deputado Wellington do Curso (PSDB) de declarar apoio ao candidato do DEM à Prefeitura de São Luís, Neto Evangelista (reveja), levou a um questionamento: teria o tucano aderido à base do governador Flávio Dino (PCdoB).

O próprio Wellington do Curso jura que não.

E ele fez questão de afirmar isso na coletiva de imprensa que convocou para anunciar seu rumo eleitoral neste ano.

Há quem duvide, contudo.

Neto Evangelista é da base do Palácio dos Leões na Assembleia Legislativa; tem o PDT na chapa – inclusive tendo indicado a candidata a vice, Luzimar Lopes -; e foi um dos mais próximos secretários da gestão comunista no Maranhão.

Falta uma mês até o dia da eleição. Tempo suficiente para saber exatamente qual a postura de Wellington do Curso.


9 pensou em “Wellington do Curso aderiu ao Palácio dos Leões?

  1. Nao vote em nenhum…pois todos são de promessas que nunca vão cumprir..
    Deus proteja São Luís e nós….pois estamos no mar a deriva e a ilha esta acabada e vem mais um para passar o cimento e colocar a cruz…

    Deus nos livre de todo mau e todos eles…

  2. Neto Evangelista não ganhará um voto sequer dos servidores do Detran, devido ao massacre que estes vêm sofrendo com a gestão desastrosa e desumana perpetrada pela aliada de Flávio Dino, a diretora geral, Larissa Abdalla Britto, do PDT. Agora, inclusive, o servidor do Detran está à beira de perder o auxílio-alimentação nas férias e demais afastamentos, algo concedido e mantido em todos os governos anteriores ao de Flávio Dino. Trata-se de um ato extremamente cruel, pois retira tal benefício em um momento no qual o servidor está mais vulnerável e hipossuficiente, sobretudo durante a licença para tratamento de saúde. Uma MONSTRUOSIDADE! Além disso, os servidores do Detran estão com seus salários congelados há 7 (sete) anos. E mais, a diretora geral, indicada pelo PCdoB, está promovendo licitação para prorrogar a TERCEIRIZAÇÃO ILEGAL até DEZEMBRO de 2023, prejudicando, assim, centenas de aprovados no último concurso, os quais aguardam nomeação. Servidor público do Detran e aprovados no último concurso, bem como seus familiares, parentes e amigos não votarão em nenhum candidato do PDT, PCdoB nem naqueles apoiados por eles ou Flávio Dino.
    Certamente, os servidores municipais também não votarão em um candidato cujo partido e maior aliado (Flávio Dino – Governador do Maranhão) não valorizam servidor público e, pior, retiram-lhe direitos já adquiridos.
    O deputado Wellington do Curso tem todo o apreço da população, sobretudo dos servidores e concurseiros. O futuro político dele é promissor. Espera-se que ele não caia nas armadinhas dessas velhas raposas políticas que se perpetuam no poder, o qual é passado de pai para filho, como é o caso de Neto Evangelista. A isenção do deputado Wellington do Curso seria a melhor opção, mas, infelizmente, ele decidiu por fazer essa escolha. Será muito estranho vê-lo ao lado de Neto Evangelista. Não estaremos juntos nessa empreitada em especial, mas, certamente, nas futuras. Do cenário político atual, é um dos poucos com a melhor visão de povo.

  3. Com certeza ele foi tomar benção ao comunista. Perdeu o discurso. Não se elege mais a nada. Nunca votei nesse cara por não acreditar na falsa política de combate a Flávio Dino.

  4. Pingback: Wellington começa a fazer campanha para Neto Evangelista - Gilberto Léda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *