Por propina, agiotas ameaçaram matar prefeito de São José de Ribamar

Trata-se do prefeito de São José de Ribamar, Eudes Sampaio, a vítima de extorsão por parte de agiotas que culminou com a deflagração de operação da PF na manhã desta quinta-feira (3).

A informação é da TV Mirante.

Durante entrevista coletiva realizada mais cedo, o delegado Renato Madsen, superintendente da Polícia Federal no Maranhão, informou que foi o próprio prefeito quem procurou a PF para denunciar que estava sendo ameaçado de morte pelos criminosos, que cobravam propina de despesas contratadas no valor R$ 5 milhões.

Madsen revelou que o prefeito se sentia ameaçado porque os indivíduos exigiam o repasse de 20% a 30% de recursos do Ministério da Saúde que tinham sido transferidos para uma das contas da prefeitura.

“A partir de agora começa uma nova etapa da investigação para saber quais os demais envolvidos nessas trama”, disse o superintendente da Polícia Federal do Maranhão.


1 pensou em “Por propina, agiotas ameaçaram matar prefeito de São José de Ribamar

  1. Eudes, aproveita e diz na polícia federal, onde foi parar o dinheiro da merenda escolar de 2020, em abril foi distribuído um kit de resto de merenda de março e só!… Na semana da eleição, as diretoras das escolas distribuiram um mísero kit escolar…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *