Roseana critica carta de governadores sobre ICMS: ‘Não é justificativa’

A ex-governadora Roseana Sarney (MDB) criticou ontem, 20, a carta de governadores eximindo-se de culpa pela recente escalada dos preços dos combustíveis.

Os gestores estaduais têm sido pressionados a reduzir alíquotas de ICMS, mas têm se negado, alegando que não é o imposto o responsável pela alta, mas, sim, a política de preços da Petrobras, responsabilidade do governo federal.

“Isso não é justificativa para não reduzir o ICMS”, disse ela.

Para a governadora, os chefes estaduais deveriam seguir o exemplo de Eduardo Leite, do Rio Grande do Sul, que cortou em cinco pontos percentuais a alíquota do tributo no estado.


4 pensou em “Roseana critica carta de governadores sobre ICMS: ‘Não é justificativa’

  1. Os governadores são culpados sim. No MA além do Governo Flávio Dino aumentar o ICMS três vezes sucessivamente, o que impactou no preço atual dos combustíveis, ele não deu aumento ao servidor público em 7 anos de desgovernança. Vamos aguardar ele nas urnas.

  2. Desmascarado, Dino se esquece dos 3 aumentos de ICMS impostos goela a baixo aos maranhenses que continuam a incidir em todos os aumentos dos combustíveis administrados pela Petrobrás! e também sorrateiramente do seu último pedido de aumento de pauta (base) de incidência do ICMS para combustíveis.

    O povo quer saber dele, pelo menos, é o que foi feito com os R$ 2 bilhões já arrecadados pela SEFAZ/MA? Flávio Dino tem o poder-dever de explicar isso ao consumidor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.