Maranhão e mais 10 estados não debatem reajuste a servidores

Com a proximidade do fim do veto a reajustes salariais de servidores, imposto pelo socorro federal concedido durante a pandemia, ao menos 14 governadores projetam recomposições inflacionárias ou aumentos reais para 2022, ano eleitoral. Parte deles já aprovou projetos que miram determinadas categorias, com destaque para professores e policiais. 

Não é o caso do Maranhão, no entanto.

A gestão Flávio Dino (PSB), juntamente com outras dez, aparece entre os que ainda sequer debatem o assunto.

Uma das categorias mais ansiosas por um reajuste é a dos servidores da Fiscalização Agropecuária do Maranhão. Já se somam sete anos sem reajuste salarial.

O SINFA-MA, sindicato da categoria, estima em 60% as perdas reais ao longo desses aos.

Em entrevista ao programa Tribuna Sindical da Rádio Educadora, o 1º tesoureiro do SINFA, Francisco Saraiva, explanou que a principal justificativa do governo para não conceder o reajuste é a lei de responsabilidade fiscal. Porém, ele reitera que esta interpretação é equivocada, uma vez que o “caixa” do governo do Estado viabiliza, sim, a possibilidade de reajuste.

““A lei de responsabilidade fiscal, a grande desculpa dos gestores públicos para não conceder reajuste ou correções inflacionárias para os servidores, estabelece percentuais de limites e uma vez alcançados esses limites não pode mais ser concedido. O limite prudencial é 46% e o limite máximo, 49%. Hoje, a despesa do estado está na casa de 37% e esse percentual já permanece há três quadrimestres, o que significa que a praticamente um ano nós temos a despesa com o pessoal do estado com apenas essa porcentagem da receita”, disse.


5 pensou em “Maranhão e mais 10 estados não debatem reajuste a servidores

  1. Esse comunista ditador não quer corrigir o salário do servidor devido aos gastos com a campanha eleitoral que se aproxima, como ele tem dinheiro para mandar o mais asfalto para as prefeituras alinhadas com esse tipo de desgoverno? E várias obras no interior do Estado visando apoio político.

  2. Mais uma do governadorzinho de merda, mequetrefe, canalha e incompetente que infelizmente o povo elegeu, se fosse pra ele se beneficiar do dinheiro publico com certeza ja teria tomado providencia, mais como se trata de beneficio do povo, que se explodam todos… E vamos de PICANHA

  3. Roseana Sarney antes de sair deixou o Plano de Cargos Carreiras e Salários dos Servidores Estaduais ajustados.
    Flávio Dino jamais deu um aumento sequer aos servidores estaduais.
    Gostaria de entender porque os professores Estaduais que possuíam um sindicato atuante nunca fizeram greve como faziam no governo Roseana Sarney.
    Os servidores estaduais possuem um sindicato incompetente, omisso.
    2022 está chegando e tenham certeza, daremos uma resposta a altura a esse atual governo e aliados.
    Mudança 100% na Assembléia Legislativa, Câmara Federal e Senado.
    Aguardem.

  4. ESSE DITADOR ESCRAVOCRATA JÁ ERAXPRA TA PRESO! UM CRI-MI-NO-SO FRSSE WUE DESDE QUE ENTROU, SÓ AUMENTOU OS IMPOSTOS E CONGELOU OS SALÁRIOS DOS SERVIDORES. AINDA TEM GENTE QUE VOTA NRSSE DESGRAÇADO

  5. O SERVIDOR ESTADUAL QUE AINDA TIVER A CORAGEM DE DAR SEU VOTO A ESSE VIGARISTA SAFADO, E SEUS COMPARSAS, NÃO TEM A MENOR VERGONHA NA CARA, É MULHER DE MALANDRO, E OTÁRIO, COM DIPLOMA.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.