Após ausência em evento de Lula, Weverton ajusta discurso

Depois de dizer que não quer nem saber quem será eleito presidente do Brasil e de não aparecer em evento do ex-presidente Lula (PT) em São Paulo, o senador Weverton Rocha (PDT) voltou a ajustar o discurso para sugerir que é o candidato do petista no Maranhão.

Segundo o pedetista, a relação dele com o ex-presidente não precisa de “coligação formal”.

“Há uma tentativa insistente em me dissociar do Lula por que sabem que a minha história fala mais alto do que qualquer coligação formal que eles possam fazer com o PT”, declarou.

O movimento é estratégico.

A cada vez mais clara aliança do PT com o grupo do ex-governador Flávio Dino (PSB) no Maranhão – reforçada por imagens da participação dele e do governador Carlos Brandão no ato de lançamento da pré-candidatura da chapa Lula/Alckmin – tem enfraquecido o discurso pró-Lula de Weverton.

Inicialmente o senador tentou construir a narrativa de que seja qual for o presidente, ele estará pronto para pedir ajuda ao Maranhão.

A tese não colou.

Agora, ele tentará recuperar terreno, voltando a colar sua imagem à do ex-presidente.


2 pensou em “Após ausência em evento de Lula, Weverton ajusta discurso

  1. Gilberto, não entendo é como que Weverton vai apoiar um bolsonarista RR para o Senado??? Plantar uma raposa dentro de um galinheiro ( possível gov Petista ) ???!!!
    Pensa que o povo é besta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.