Braide mantém coerência ao declarar apoio a Weverton

O prefeito de São Luís, Eduardo Braide (sem partido), manteve coerência ao declarar, nesta quinta-feira, 23, apoio à pré-candidatura do senador Weverton Rocha (PDT) para o Governo do Maranhão.

O gestor oficializou seu posicionamento em entrevista ao quadro Bastidores, do Bom Dia Mirante.

A decisão de hoje foi construída ainda em 2020.

Naquela ocasião Braide passou para o segundo turno da disputa pela Prefeitura de São Luís contra o candidato do grupo do então governador Flávio Dino (PSB), deputado estadual Duarte Júnior (PSB).

À época, Weverton e seu grupo ainda estavam na base dinista.

Mesmo assim, o senador optou pelo apoio ao hoje prefeito da capital – num movimento que já sinalizava seu rompimento com Dino.

E não foi um apoio qualquer.

No primeiro turno, Braide obteve pouco mais de 193 mil votos. O terceiro colocado, Neto Evangelista (União Brasil) – candidato de Weverton -, obteve 83 mil votos.

No segundo turno, Braide saltou para 270 mil votos, quase 80 mil votos a mais. Quase a mesma votação de Evangelista.

Não declara apoio ao senador pedetista agora é que seria incoerente da parte do prefeito da capital.


5 pensou em “Braide mantém coerência ao declarar apoio a Weverton

  1. Esse prefeito tinha tudo pra honrar, verdadeiramente, os votos recebidos, mas está fazendo uma administração desastrosa, e pra completar, ainda declara apoio a um político com um histórico de corrupção e de danos ao erário público desde os 18 anos.
    É uma vergonha….

  2. Não vejo muita vantagem nesse apoio. Muito de contrário. Braide esteve bem na época da vacina e só. Está desacreditado junto a grande parte da população, não tem carisma, está mal orientado e não tem grupo político. Não é um apoio que possa ser comemorado, apesar de um voto decidir uma eleição.

  3. Apoiar Weverton é coerência? Kkkkkkk…
    Daqui a pouco dirão que Geraldo Alckmin é coerente.
    O que a molequeira não é capaz por alguns trocados.

  4. Embora eleito com a esperança de realizar de uma boa gestão, o prefeito Eduardo Braide tem decepcionado a todos: a um, os servidores efetivos, pelo ausência de valorização em não nomeá-los para cargos em comissão(chefia) no percentual de 40% conforme determina o Estatuto do Servidor Municipal; a dois, promove uma imensa via crucis aos contribuintes, que possuem impugnações junto a SEMFAZ, pois cerceiam o direito de acessarem aos setores da SEMFAZ, somente sendo permitido qdo o processo estiver mais de 30(trinta) dias parado no setor, ou seja, se o processo tramitar em 6(seis) setores, este deverá aguardar 06 meses para conclusão, inclusive alegam que tal medida advém de uma Portaria editada pelo secretário titular da referida secretaria. ACORDE PREFEITO, ESTES SEUS ASSESSORES IRÃO LE LEVAR AO OSTRACISMO POLÍTICO.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.