Em sabatina, Edivaldo diz que não haverá aumento de passagens

edivaldoO prefeito de São Luís e candidato à reeleição, Edivaldo Holanda Junior (PDT), afirmou que não haverá aumento de passagens com a chegada dos novos ônibus com ar-condicionado, conforme determina a Licitação de Transportes Públicos, feito histórico que foi implantada na sua gestão. O compromisso foi dito durante a sabatina no Programa Repórter Difusora, da Rádio Difusora FM, na manhã desta terça-feira (18).

Durante cerca de 20 minutos, Edivaldo respondeu questionamentos feitos pelos jornalistas Ricardo Baty, Bial Mendes, Leandro Miranda e Francisco Júnior sobre saúde, educação, transporte, meio ambiente, infraestrutura. Ele destacou ainda os avanços que sua gestão vem realizando na cidade.

Aos ouvintes o candidato do PDT voltou lembrar o caos que encontrou a Prefeitura de São Luís, em 2013. Mas que, mesmo com os problemas administrativos, conseguiu com muito trabalho, desde o primeiro dia, e no decorrer dos três anos e meio de gestão avançar em todas as áreas.

“Não tinha alimento no Hospital Socorrão; o Hospital da Mulher estava desativado. Mas com o bom planejamento, hoje o Hospital da Mulher é referência em neurocirurgia, duplicamos os leitos hospitalar. Vamos entregar o Hospital da Criança, uma Maternidade na Cidade Operária e construímos uma nova Sede do Samu, que encontramos com apenas duas ambulâncias”, disse Edivaldo. Completando com a reforma do CEM Filipinho; e a entrega de mais 30 unidades de saúde reformadas.

Edivaldo frisou o enfrentamento que teve com a implantação da Licitação dos Transportes Públicos que começou no seu governo com o combate a fraude, a biometria, o Bilhete Único; a renovação de 40% da frota e o Cartão Criança.

“Tivemos a coragem de promover vários avanços no setor de transporte. Até o fim do ano, 210 novos ônibus com ar-condicionado estarão circulando na cidade, graças a Licitação do Transporte; e teremos á médio prazo toda a frota com ar-condicionado. Isso sem nenhum aumento de passagem”, garantiu Edivaldo.

No decorrer da sabatina, o candidato à reeleição pelo PDT teve oportunidade de falar sobre questões envolvendo a educação. Ele enfatizou o cronograma de avanços que está possibilitando a reforma de 70 escolas e a valorização dos professores que culminou com o crescimento do IDEB, que teve uma brusca queda na gestão do prefeito João Castelo.

“Os índices na educação voltaram a subir e, nesse caso, agradeço os professores e alunos. Melhoramos a merenda escolar, cuja 30% vêm da zona rural, aquecendo a economia naquela região; o aumento do transporte escolar. A contratação de 110 professores especiais. Ou seja, estamos recuperando o que foi perdido na gestão passada”, falou o atual prefeito de São Luís, Edivaldo.

Em relação à cultura ludovicense, o candidato da coligação “Pra Seguir em Frente”, disse dos avanços feitos com a criação do Sistema de Cultura, o Plano Municipal de Cultura e, principalmente com a efetivação da Secretaria Municipal de Cultura, fator há muito desejado pelos produtores culturais da cidade. “Regulamentaremos o Fundo Municipal de Cultura e atendemos a antigas reivindicações. Quando chegamos na Prefeitura as escolas de samba recebiam de patrocínio R$ 5 mil. Reajustamos para R$ 60 mil”, exemplificou.

O prefeito Edivaldo descreveu para os ouvintes que em sua gestão foram feitos avanços históricos de infraestrutura nos bairros e Regiões da Cidade Operária, Cidade Olímpica, Jardim América, Santa Efigênia, Santa Clara, Vila Riod, Jardim São Raimundo que aguardavam há décadas por serviços de drenagem e pavimentação. Citou, nominalmente, moradores de diversas áreas de São Luís.

“Perguntem ao Lourival, do Pontal da Ilha; Laerte, da Santa Clara; Zé do Poço, do Jardim São Raimundo. Famílias que sofriam com as chuvas. Pisei na lama junto com vocês e fizemos um bom trabalho. Estive lá com o Pajé da Apaco onde ouvi seu pedido e hoje quando chove e as pessoas não ficam desabrigadas”, relatava Edivaldo.

Ao final da entrevista pediu mais um voto de confiança aos eleitores, a fim de promover mais políticas públicas em toda a cidade. “Fizemos muito, mas queremos fazer muito mais. Cohegar no Jeriparana, Zé Reinaldo Tavares, melhorar a vidadas pessoas. Me dê uma nova oportunidade para levar mais benefícios a outros bairros. No dia 30 de outubro, vote 12, meu nome é Edivaldo”, concluiu o candidato à reeleição a Prefeitura de São Luís, Edivaldo.

10 ideias sobre “Em sabatina, Edivaldo diz que não haverá aumento de passagens

  1. Entendo eu, que essa entidade não tem legitimidade para representar o estado do maranhão, pois o maranhão não é só a capital São Luis. E pelo que podemos perceber, não houve eleição em nível de estado para escolher a diretoria dessa entidade. Devido a isso, seria melhor chamar a mesma de Associação dos Blogueiros de São Luis. Nós do interior somos sempre colocados em segundo plano, tanto na esfera política, bem como no restante, por tanto, essa entidade é ilegítima e ilegal, e não nos representa. Por esse motivo, vamos convocar nossa amiga e parceira Kelly Queiroz, presidente da Associação de Imprensa da Região Tocantina, para juntos, criar um movimento com o intuito de se criar a Associação dos Blogueiros da Região Tocantina

  2. Como ele sabe que não haverá aumento se ele não será mais o prefeito a partir de janeiro de 2017? Holandinha, encare os fatos, essa foi a pior eleição para prefeitos que tentaram a reeleição.

  3. Pingback: Em sabatina, Edivaldo diz que não haverá aumento de passagens — Gilberto Léda – VIDILSON NEWS

  4. Não haverá aumento de passagens, não haverá reformas de escolas, não haverá mais ruas esburacadas em suma não haverá mais nada porque o prefeito assim o quer, Edivaldo se supera a cada entrevista dessa vez descobriu a roda… só que de novo né!…

  5. Eita homem mentiroso, tudo que esse homem fez não foi mas que a obrigação dele, infelizmente foi tudo no final de mandato, sempre é assim e se ganhar não vai fazer nada tem que pagar as pessoas que ajudaram na politica, isso é muita palhaçada, o povo quem vai apanhar pra aprender mais uma vez que não se deve eleger quem não faz nada.

  6. Esse Pinoquio Holanda Junior é uma comédia mesmo, até parece que não já tem data para o aumento da passagem se esse inutil for eleito…Xau Edi H até nunca mais.

  7. “Não haverá aumento de passagem” até pq vai vai haver motivos pra isso Kk tô aproveitamento ônibus com ar condicionado enquanto dura, pq isso não vai durar nenhum pingo kkkk. Tudo marketing de campanha. Nem enche meus olhos.

  8. Disse a mesma coisa no primeiro mandato e além de ter se tornado o recordista em aumento de passagens ainda acabou com a domingueira e instituiu esse bilhete único que na prática é só pra enganar os bestas. Sem falar que não abriu uma ruela sequer pra desafogar o trânsito e ainda enganou a população prometendo viadutos e maternidades além de um hospital e nada foi feito!!! Fora Edivala!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *