Suspeito confessa que atirou na casa do juiz de Tuntum

O vendedor ambulante Ironeuto Ferreira, 23, acusado de atirar na casa do juiz de Tuntum, Pedro Holanda Pascoal, confessou nesta sexta-feira (15) que foi ele quem efetuou os disparos.

Ironeuto disse que estava bêbado e que cometeu o crime por conta de decisão do juiz proibindo motociclistas de trafegar sem capacete e carteira de habilitação na cidade.

O delegado responsável pelas investigações continua apurando o caso e tenta chegar a possíveis mandantes.


0 pensou em “Suspeito confessa que atirou na casa do juiz de Tuntum

  1. Meu caro Gilberto,
    A propósito do comentário “Arnaldo Melo Humilha Calado”, gostaria de fazer o seguinte registro: “O comentário de Lulu da Assembléia, (acho que é pseudônimo), a despeito de sua intenção em protestar contra o que acha ser uma injustiça para comigo, comete, ele próprio, uma injustiça ao Presidente Arnaldo Melo. A nomeação a que se refere, longe de ser uma humilhação, é um ato de confiança do Presidente da Casa a este velho servidor. É preciso que se entenda a forma de remuneração que é praticada na Assembléia e no Estado. A remuneração é com-posta de um salário base e outra variável que é a Gratificação Técnica Legislativa. Assim, o salário do cargo para o qual fui nomeado, deverá ser acrescido, como é de praxe, por um valor “x”, que é a gratificação, resultando, da soma, em um salário médio do nível de assessoramento intermediário da Casa. De qualquer forma agradeço a Lulu pela sua preocupação e pelo conceito que me atribui. Um abç do Milton Calado

  2. SE ELE É CULPADO OU NÃO, NÃO SEI, MAS QUE ELE ERA PROPRIETÁRIO DE UMA REVENDA DE ÁGUAS E TINHA UMA MOTO PRA ENTREGAS DAS MESMAS TINHA!!.

  3. Voce estar demitido como blogueiro,eriquessa mais suas informaçoes,pois este rapaz que foi preso tinha uma uma moto na qual fazia atendimento a domicilio na entrega de agua mineral. SEU DESENFORMADO.