Pressionado, governo se movimenta para pagar emendas

jerryNa semana em que se intensificou a pressão dos deputados da base aliada, o governo Flávio Dino (PCdoB) anunciou a uniformização de procedimentos nas secretarias para começar a pagar as emendas parlamentares.

Desde o início do mês, os aliados têm reclamado de demora na liberação dos recursos aos municípios, e a decisão de parcelar o pagamento em três vezes – como revelado pelo blog na semana passada (reveja) – deixou a situação ainda mais delicada.

No início da semana, eles chegaram a convocar uma reunião com o presidente da Assembleia, deputado Humberto Coutinho (PDT) para que o clima de insatisfação chegasse ao conhecimento do Executivo.

Como resposta, o governo promoveu ontem, no Palácio dos Leões, reunião com as secretarias estaduais para orientar a liberação das emendas oriundas da Assembleia Legislativa. O encontro foi coordenado pelo secretário de Estado de Assuntos Políticos e Federativos, Márcio Jerry (PCdoB).

Segundo nota do Governo do Estado, “o encontro municiou os órgãos com informações para analisar a indicação de cada parlamentar de forma técnica, segura e rápida”.

De acordo com o secretário da Seap, Márcio Jerry, este ano foram pactuadas entre o Governo e os deputados estaduais uma série de prioridades na indicação das emendas. Ao todo, maisde dez áreas diferentes receberam indicação de verbas por parte dos parlamentares, com maior destaque para a Saúde, Educação, Infraestrutura e Segurança.

Jerry explicou que a reunião foi importante no sentido de orientar as secretarias no processo de execução das emendas parlamentares, ressaltando a importância da agilidade, sobretudo no processo de análise técnica das proposições apresentadas. “Outro ponto importante desse encontro foi instruir as secretarias a dialogar e dar suporte às prefeituras na resolução de qualquer pendência que possa vir a travar a liberação das emendas”, explicou o secretário.

Em tempo: a imagem deste post é meramente ilustrativa


2 pensou em “Pressionado, governo se movimenta para pagar emendas

  1. E o Márcio Jerry senta e resolve,sentado na cadeira que protocolarmente é do governador?Eu não votei nela para governador não!

Os comentários estão fechados.