Autor da lei, Zé Gentil reage a lançamento do RG+ sem sua presença

O deputado estadual Zé Gentil (PRB), autor do projeto que deu origem à “Lei RG+” – que determina o ingresso do tipo sanguíneo e outras informações na Carteira de Identidade – estranhou não ter sido convidado para o lançamento do novo dispositivo legal.

O evento está marcado para esta segunda-feira (22), no Viva Cidadão do Shopping da Ilha – órgão vinculado ao Procon-MA.

Quem tem feito ampla propaganda do lançamento nas redes é o deputado Duarte Júnior (PCdoB), co-autor do projeto.

“É muito estranho, pois sou eu o autor desse projeto, tendo o deputado Duarte Junior como co-autor, por ter apresentado o seu projeto depois que eu já tinha apresentado o meu. Agora tem um lançamento sem a minha presença?”, questionou Gentil, segundo informou ontem (21) o blog do Prof. Caio.


6 pensou em “Autor da lei, Zé Gentil reage a lançamento do RG+ sem sua presença

  1. Nao tinha uma lei mais inteligente e relevante não? Que porcaria! Antes de fazer é pra se perguntar pra que? Pra quem? Qual a relevancia disso? . Ta certo Bolsonaro. CPF substitui tudo.

  2. Essa lei foi apresentada e rejeitada na ALEMA pelo Deputado Sérgio Frota em 2016…
    Dispõe sobre a inserção do tipo sanguíneo e o fator RH, na cédula de identidade, na forma que menciona.
    Da mesma forma a gratificação de policiais por apreensão de armas de fogo também foi rejeitada e depois o governo editou….
    Estranho, muito estranho…

  3. Nobre deputado. Seu dever foi cumprido. Foi autor do projeto de lei, que agora virou realidade. Agora é com o executivo. Largue de querer aparecer. Seu trabalho já foi feito. Ponto!

  4. Meu Deus, a que ponto chegamos. Dois deputados brigando por causa de um projeto idiota que não vai beneficiar em merda nenhuma a população. É muita falta do que fazer. Deviam, então, pelo menos fiscalizar o governo do Estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *