Miriam Leitão alertou Dino sobre conflito em terra indígena no MA há um mês

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), passou o dia de ontem (2) tentando eximir sua gestão de qualquer responsabilidade relacionada ao caso do assassinato de uma liderança indígena na Reserva Arariboia, na região de Bom Jesus das Selvas (reveja).

“Competência federal”, diz ele, como se segurança pública não fosse um dever da União, não do Estado.

Contra os argumentos do comunista, contudo, pesa uma entrevista que ele mesmo concedeu a Miriam Leitão, da Globo News, em setembro.

Na ocasião, a jornalista usou até um infográfico para relatar a situação, segundo ela, preocupante dos conflitos na terra indígena alvo de conflito neste fim de semana.

“Eu estou particularmente preocupada com isso”, disse ela, a um Flávio Dino visivelmente desinformado sobre a real situação na localidade, a ponto de reconhecer isso, mas apenas prometer “provocar a Funai e a própria Polícia Federal para examinar essa situação”.

Ou seja: lavou as mãos…

Flávio Dino, portanto, não pode dizer que não sabia da situação de tensão na terra indígena.

Por que não mobilizou efetivo de segurança para atuar em municípios próximos da reserva – e previnir o que ocorreu no sábado? Não se sabe…


9 pensou em “Miriam Leitão alertou Dino sobre conflito em terra indígena no MA há um mês

  1. Afinal, qual a relação entre a eleição de uma prefeita “apoiada” por Bolsonaro e a disputada de terras indígenas? Qual o motivo real para se desrespeitar um Presidente da República e o resultado de uma eleição? O que move toda, ou pelo menos boa parte, da impressa nacional a ficar contra um homem mesmo que isso resulte na derrocada do país? O que faz com que homens passem a acreditar em ideologias em detrimento da realidade que os cerca? O que acontece com cada um de nós, que, preguiçosos, deixamos de promover a análise própria dos fatos e preferimos a análise de uma série de veículos de comunicação? O homem moderno perdeu -se a si mesmo e é levado aos quatro cantos do planeta pelos ventos que acredita dominar.

  2. Este incompetente governadorzinho de ataque, não tomou providências porque ele é extremamente incompetente e só sabe ficar criticando os outros, pois a sua idiotice é tamanha que ele nem sabe o que acontece debaixo do seu nariz, ou seja só sabe é jogar a culpa nos outros

  3. Isso é um canalha covarde. Tira o dele da reta excluindo a responsabilidade e quando a coisa é Boa, ele assume como se fosse dele, como sempre fez sem ter movido uma palha.
    Pq então depois das mortes de ontem ele mandou o secretário dele e equipes pera o cal?! Pra dizer que tomou providências e querer culpar a união , safado desse.

  4. Porque é Porcon…os, Leitão, não é lutou o PATRÃO DA FILHA DELA o ministro Moro??????
    Essa me que treze consegue com sua estultice desagradar o gado rasteiro e acéfalo do BOZOASNISMO assim como os “esquerdistas”. Há propósito, Dino e cátedra são “esquerdistas”????????.
    Será que foi daí que saiu a esquerda CAVIAR. Agora PIOR que os milicianos seguidores do SALNORABO é impossível. . .

  5. As pessoas verem como é fiscalização no maranhao, carros velhos, predios sucateados e falta de profissionais. Vamos acordar e funcionarios a 5 anos sem aumento. E agora baixou decreto maldade para os funcionarios celetista s. Se prepare é so comeco dos pesadelos.

  6. Pingback: Edilázio atesta fracasso de força-tarefa de Dino para proteger índios - Gilberto Léda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *