Josimar simula candidatura de Detinha para valorizar o PL

Aliados do deputado federal Josimar de Maranhãozinho começaram a disseminar na noite de ontem (17) a informação de que o PL, comandado pelo parlamentar no estado, pode lançar candidatura própria à Prefeitura de São Luís.

O nome escolhido seria o da esposa dele, deputada estadual Detinha.

O movimento, no entanto, tem sido encarado por membros da base do governo Flávio Dino (PCdoB), como mero blefe de Josimar para valorizar o partido.

O PL esteve muito próximo de fechar com Eduardo Braide, pré-candidato a prefeito pelo Podemos. Mas as negociações não avançaram como gostaria Maranhãozinho.

Então, ele fez um movimento de reaproximação do Palácio dos Leões – embora ainda haja na sigla quem defenda um alinhamento com Braide.

Nessa encruzilhada. o presidente do PL teria decidido simular uma candidatura própria, para sentir como reagirão aqueles com quem ele tem debatido a sucessão na capital.

Vale aguardar…


7 pensou em “Josimar simula candidatura de Detinha para valorizar o PL

  1. Esse rapaz não percebe que ele não faz parte da panelinha do Flávio Dinosauro, e nem Braide quer ele, melhor coisa que Braide faz!

  2. Uma raposa articulada. Uma jogada que pode lhe render frutos bons ou colocá-lo em situação de descrédito diante da classe política.
    Mas até que ponto isso não pode ser uma tacada boa? Josemar possui o controle de 2 partidos, tem uma aliança com os Marrecas com o Patriotas e pode cooptar um PSL, que está indeciso em relação as composições.
    Fora o cacife eleitoral e financeiro que este grupo possui, além do estigma que Josemar leva de nunca ter perdido eleição.
    Ou seja, ainda tem muita bola pra rolar.

  3. Espero que nem ultra esquerdista, nem centro, nem ultra direita e nem ultra doido fechem com esse cara. Se esse cara pega um executivo…

  4. O voo desse cara já está muito alto, será se ele não vê isso? Me faz lembrar até o folclórico deputado presidente da Alema Manuel Ribeiro, quem não lembra, bastou uma pequena virada de mesa, um revés, pra ele desandar e nunca mais se levantar. A hora hipoteticamente que um laranja ou delator qualquer entregar ele, a casa pode cair feio e todo mundo já diz disso .

  5. Pingback: PL usa estratégia de 'candidatura' para se valorizar - Blog do Antônio Martins

Os comentários estão fechados.