NOTINHAS DA MANHÃ (e do debate na TV Band/TV Ufma)

Mobilização

A bada do PT de São Luís que decidiu apoiar Eduardo Braide (Podemos) no 2º turno tem mostrado cada vez mais força na campanha. Sob a coordenação do deputado estadual Zé Inácio, os petistas mobilizaram ontem (25) a militância nas ruas do Centro, panfletando em favor do candidato do Podemos.

Pegou mal
Por falar em “banda”, pegou muito mal o ataque do candidato Duarte Júnior (Republicanos) à ala do PDT que decidiu apoiar Eduardo Braide. Segundo o republicano, trata-se da “banda podre do partido”. A declaração ocorreu no mesmo dia em que Clay Lago, viúva do ex-governador Jackson Lago, também decidiu apoiar o candidato do Podemos.

Reação
O ataque de Duarte gerou reação no PDT. Nesta quita-feira (26), o vereador Raimundo Penha emitiu nota repudiando a fala. “Em um surto, talvez tomado pela raiva ou pelo medo da derrota próxima, ele destilou ódio contra todos que não o apoiam. Duarte, temos orgulho de nossa história. Orgulho das eleições que vencemos e também das batalhas que perdemos ( e a do próximo domingo, dia 29, iremos vencer. Anota ai!). A diferença é que quando perdemos, não mudamos de lado”, destacou.

Ameaçou

Crítico ácido do candidato Duarte Júnior, o deputado Neto Evangelista fez ontem (25) um série de postagens com comentários sobre a personalidade do republicano. E, contra a patrulha comunista, ameaçou vazar conversas de secretários de estado com ele próprio. “Se perturbarem muito, começo a dizer os secretários de estado que ficavam me ligando durante o primeiro turno, entregando coisas de Duarte pra que eu falasse na campanha”, escreveu.

Sem partido
Conselheiro federal da OAB, o advogado maranhense Daniel Blume apresentou ao órgão, nesta semana, uma interessante proposta: ele quer que todo membro da diretoria da OAB seja vedado de integrar partido político. “Não cabe ao Conselho Federal tolher o direito daqueles que pretendem expressar publicamente seus apoios eleitorais. Todavia, deve-se assegurar a preservação da imparcialidade da instituição, bem assim sua imagem acima mesmo de ilação acerca de envolvimento político partidário. Desse modo, torna-se indispensável que todos os diretores eleitos da OAB não possuam filiação partidária nos últimos seis meses anteriores ao registro de candidatura, como condição de elegibilidade para a Diretoria da OAB, em suas esferas Nacional, Estadual e Municipal”, pontuou (leia aqui a manifestação de Blume).

Baixa expectativa
Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgados nesta quinta (26) revelam que o Maranhão tem a menor expectativa de vida entre todos os estados do Brasil. Os números são provenientes do estudo Tábuas Completas de Mortalidade, que fazem uma projeção oficial da população do Brasil para o período 2010-2060. O Maranhão também possui uma das piores taxas de mortalidade infantil do país (saiba mais).

Orçamento?
Motivo de piada nas redes sociais o fato de o candidato Duarte Júnior (Republicanos) desconhecer – como deixou claro no debate da TV Band de ontem (25) – que a Secretaria de Orçamento Participativo da Prefeitura não trata do Orçamento do Município, mas de demandas populares a a serem levadas para inclusão na peça orçamentária.

No bolso
O deputado estadual Yglésio Moyses afirmou, em postagem no Twitter, que pouco antes do início do debate da TV Band, a produção da emissora “apreendeu” um celular que estava no bolso do candidato do Republicanos.

Fogo amigo
Ainda no debate da TV Band, ao criticar a destinação de emendas de Eduardo Braide a municípios do Maranhão – num ponto em que cobrava do parlamentar mais emendas para São Luís – Duarte Júnior insinuou que o dinheiro poderia ser desviado porque o candidato do Podemos nã fiscaliza sua aplicação, nem mostra resultado das obras. E citou como exemplos, dentre outros, os municípios de Maranhãozinho e Centro do Guilherme, redutos eleitorais do deputado federal Josimar de Maranhãozinho, principal financiador, político e financeiro, da sua candidatura. Eu, hein!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *