Procuradoria diz que sugeriu ‘auxílio emergencial’ por fim da greve de rodoviários

A Procuradoria-Geral do Município de São Luís afirmou hoje, 22, em nota, que “é inverídica a informação de que […] não teria apresentado nenhuma medida que pudesse pôr fim ao impasse entre rodoviários e empresários, durante a audiência realizada neste sábado (23), no Tribunal Regional do Trabalho”.

Segundo a pasta, foi oferecido um “auxílio emergencial” como proposta para o fim do movimento.

“A Procuradoria, em nome do Município de São Luís, propôs um auxílio emergencial ao sistema de transporte público para pôr fim ao movimento grevista, o que foi rejeitado. O Município segue auxiliando no que for preciso para que o transporte público volte a funcionar normalmente para atender a população de São Luís”, completa o comunicado.


6 pensou em “Procuradoria diz que sugeriu ‘auxílio emergencial’ por fim da greve de rodoviários

  1. [23/10 21:07] Marco Antonio: Se fosse cômico, seria trágico.
    [23/10 21:11] Marco Antonio: O que tem que fazer é cálculo, planilhas, progressões aritméticas…isso sim. É um serviço essencial e de custo diário, que implica em cálculos de probabilidades , bem como : com custos fixos. O importante é buscar desperdícios, melhoria de frota, automação, controle de perdas e melhor observância da engenharia do tráfego. Portanto, o que falta é discussão seria, atacar os reais problemas e deixar de mimimi.

  2. Tão de palhaçada? Todo mundo sabe que essa tal greve é dos empresários. Até parece que os mesmos iriam aceitar auxílio emergencial pago a motoristas para findar a greve.

  3. Gilberto o empresários e Rodoviários são farinha do mesmo saco o que ele querem ė aumentar as passagem se prefeito dė o aumento a greve acaba só que o prefeito está do lada da população

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *