Ricardo Archer também quer assumir vaga na Assembléia

Archer quer assumir vaga do PMDB

O nono suplente de deputado estadual Ricardo Archer (PMDB) acaba de dar entrada em documentação na Assembléia Legislativa para a assumir o mandato decorrente das saídas de Jura Filho, Joaquim Haickel e Roberto Costa, todos do PMDB, para assumir secretarias no Governo do Estado.

Archer acredita que pode ser beneficiado pelo novo entendimento do STF, que garantiu aos partidos os mandatos de deputados. Por esse cálculo, Ricardo Archer seria o terceiro suplente e acabaria assumindo o chamado “mandato de verão”, já que essas vagas decorrem das eleições de 2006 e expiram em 31 de janeiro.

Apesar disso, os ganhos não são nada mal. Cada deputado que assumir este mês receberá aproximadamente R$ 13 mil de salário – salário antigo; o novo, de R$ 20,6 mil, só a partir de fevereiro -, mais R$ 15 mil de verba de gabinete e R$ 13 mil de verba para o exercício parlamentar.

Prudência

Na Assembléia Legislativa a ordem é prudência. A Procuradoria Geral da Casa deve aguardar a decisão do STF sobre o caso do suplente de deputado federal Chiquinho Escórcio (PMDB) – ele quer assumir a vaga aberta com a saída de Pedro Novais (PMDB) para o Ministério do Turismo – para emitir parecer.

Além do caso de Ricardo Archer, o ex-prefeito de Bacabeira Reinaldo Calvet (PSL) também quer assumir mandato com base no novo entendimento do Supremo.

Oitavo suplente da coligação, pelo partido Calvet seria o terceiro suplente. Ele se elegeu pelo PFL (hoje DEM) em 2006 e quer assumir a vaga pela legenda

Dois deputados do partido assumiram postos no Governo, Max Barros (Infraestrutura) e Chico Gomes (Desenvolvimento Social). A amigos, no entnanto, Calvet já confidencia que “fez besteira”.

Um deputado aliado do ex-prefeito até já lhe deu um puxão de orelha. É que, animado com a possibilidade de assumir, Calvet andou espalhando que receberia R$ 50 mil reais este mês.

O que tem de cobrador atrás dele agora…


0 pensou em “Ricardo Archer também quer assumir vaga na Assembléia

  1. Falta somente 20 dias para o fim da ultima legislatura, seria mais prudente que este fato passace despercebido desta lesgilatura e esses suplente se mancar-se, tiracem os olhos grande de cima dos subsídios que me parecem chega aos 50 mil reais, uma fortuna para quem já não fazem nada, mesmo porquer a Assembléia está em recesso. O quê que esses bruxos querem fazer lá, bom de criarem vergonha e procurarem trabalho em outra paragens.

    • Vc tem razão, Macabeu. Mas é um direito que a lei lhes faculta. Então, o quê se pode fazer? A solução é lutar para mudar a legislação, coisa que eu, sinceramente, acho muito difícil.