Tempo fechado entre Marcelo Tavares e o PDT

O tempo fechou de vez entre o ex-presidente Marcelo Tavares (PSB) e os deputados do PDT, nesta quinta-feira (10), na Assembléia Legislativa.

Tudo porque Tavares continua criticando o posicionamento dos pedetistas em relação ao Governo.

Durante as eleições para a Presidência da Casa, o partido articulou-se com Ricardo Murad (PMDB) e hoje compõe a base de apoio ao Palácio dos Leões no Legislativo.

Marcelo Tavares não aceita e tenta patrulhá-los.

Em discurso inflamado, Graça Paz (PDT), líder da bancada democrático-trabalhista, insurgiu-se contra o colega.

“Eu acho que o meu partido não deu nenhuma procuração para nenhum deputado vir para cá cobrar, que nós não somos criança. Nós sabemos o que queremos, nós temos atitude e temos posição. Então, que este problema aqui dentro da Casa acabe de uma vez por todas, porque eu não aceito. Vou conversar com o meu Partido e dizer que se eles deram procuração para alguém para vir aqui cobrar postura, cobrar atitude dos deputados do PDT, isso está errado, porque nós não aceitamos”, disse, referindo-se à cobranças do socialista.

Mas o ex-presidente reagiu.

“Acho estranho o PDT ter articulado com Ricardo Murad, durante a candidatura dele à Presidência da Assembléia sabendo que ele foi um dos grandes articuladores do processo de cassação de Jackson. Isso me constrange”, declarou a líder.

No fim das contas, até Carlinhos Amorim (PDT), que já havia rebatido as críticas segundo as quais o PDT virou governo, disparou contra Marcelo Tavares.

“O PDT, deputado Marcelo, entende que para cobrar do Governo do Estado, para exigir que o Governo do Estado leve benefícios a sua população, não se faz necessário uma postura de agressão. O PDT tem lado, seguramente, que não é o lado do ‘quanto pior, melhor’. Não nos interessa, como pessoas públicas, desejar que a Governadora Roseana Sarney faça o pior governo de sua vida, pelo contrário, queremos é ajudá-la a fazer o melhor governo da vida dos maranhenses e, a nós parlamentares que aqui estamos, devemos estar indicando, sugerindo, propondo ajudando para que isto aconteça”, completou.

Marcelo se viu acuado.


0 pensou em “Tempo fechado entre Marcelo Tavares e o PDT

  1. Pronto! O blog virou portal de Assembleia Legislativa. Não queremos saber o que aconteceu na tribuna. Isso nós leitores podemos ler no site da propria AL-MA. Queremos ao mais: bastidores, noticias sobre articulação 2012, fatos do governo que só os jornalista ‘alinhado’ ao Palacio e com nomeação em secretarias, ficam sabendo. Vamos lá, Léda, você começou tão bem, mas nos últimos dias não está conseguindo agradar os leitores…..

  2. Essa Desgraça Guerra foi e é um fiasco para o Maranhão, nesta região central onde ela tem mais mais de um milhão de reais investido em criação de gado que destrói a mata de cocais nunca recebeu nenhum apoio desta mulher.
    Mas, pelo que li do discurso dela nem falar ela sabe ao contrário, pobre Maranhão com esta fajuta oposição…

    P.S.
    Se aceita uma crítica construtiva meu caro, formata o texto antes de publicar, em meu entender esse desleixo passa a idéia de pouco caso com os leitores…