Justiça mantém oitiva no processo de cassação de Roseana para sexta

O juiz federal Nelson Loureiro decidiu, nesta segunda-feira (23), manter para a próxima sexta (27) a oitiva das testemunhas no processo em que a governadora Roseana Sarney (PMDB) é acusada de abuso de poder político e econômico nas Eleições de 2010.

O processo foi protocolado ainda no ano passado pelo ex-governador José Reinaldo Tavares (PSB), inimigo pessoal dos Sarney e candidato derrotado ao Senado.

O pedido de adiamento havia sido protocolado semana passada pelos advogados do vice-governador do Estado, Washington Oliveira (PT), que requisitaram, ainda, a volta do processo ao “juiz natural”, Sérgio Muniz.

Em sua decisão, Loureiro negou os dois pedidos. “Em cumprimento de carta de ordem não existe juiz natural por distribuição, pois o juiz natural é o ministro Versianni, que conduz o processo e não o juiz do TRE, que apenas cumpre a ordem do TSE”, argumentou o magistrado.

Veja abaixo a lista das testemunhas que devem ser ouvidas a partir do dia 27 – José Reinaldo, autor da ação, desistiu da oitivas das suas testemunhas ainda antes da audiência com o ministro Edson Lobão (Minas e Energia).

TESTEMUNHAS ARROLADAS

ROSEANA SARNEY

Fábio Godin (sec. de planejamento do gov. Roseana)

Francisco Escórcio (dep. federal) – audiência em BSB (fevereiro)

Roberval Cordeiro Silva

Remi Ribeiro

Francisco Emiliano Ribeiro de Menezes

Edison Lobão – já ouvido


WASHINGTON OLIVEIRA

George Alan Ramalho Pereira

Benedito Buzar (jornalista)

Raimundo Nonato Carneiro Sobrinho

Ricardo Murad (sec. de Saúde)

Sérgio Macedo (sec. de Comunicação)

Hildo Rocha (sec. de Articulação Política)


3 pensou em “Justiça mantém oitiva no processo de cassação de Roseana para sexta

Os comentários estão fechados.